20 de abril de 2017

Resenha | O Menino feito de Blocos - Keith Stuart:

Título: O menino feito de blocos
Autor: Keith Stuart
Páginas: 378
Skoob: Link

Sinopse:Uma história sobre um pai e seu filho autista, e sobre um jogo que mudou suas vidas. Alex ama sua família, mas tem dificuldade em se conectar com Sam, o filho autista de oito anos. A tensão crescente da rotina leva seu casamento ao ponto de ruptura. Jody não aguenta mais o marido ausente e que pouco participa da vida do filho. Então Alex vai morar com o melhor amigo, e passa a dormir no colchão inflável mais desconfortável do mundo. Enquanto Alex enfrenta a vida de homem separado, cumpre a função de pai em meio-expediente e é confrontado com segredos de família há muito enterrados, seu filho começa a jogar Minecraft. E o que acontece depois disso é algo que nem Alex, nem Jody, nem Sam poderiam imaginar. Inspirado no relacionamento do autor com seu filho autista, O Menino Feito de Blocos é um livro emocionante, engraçado e verdadeiro sobre o poder da diferença e sobre um menino para lá de especial.
Opinião:
Gente não sei porque demorei tanto para ler esse livro, uma história linda, cheia de aprendizado e ainda podemos ver a mudança dos personagens e a busca de um Pai para melhorar a relação com o seu filho que possui Autismo.
Nesse livro conhecemos a história de Alex, que está com o seu casamento em crise já que ele passa mais tempo trabalhando do que ajudando a dar atenção ao seu filho de oito anos, então sua esposa Jody resolve experimentar uma separação experimental. A vida do Alex já sofreu um baque com essa decisão, mas ele acaba sendo dispensado do serviço que dedicou muitos anos de sua vida que era para ser temporário e se tornou uma carreira.  Ele nunca soube lidar muito bem com o seu filho, principalmente por conta das crises desencadeadas, já que a criança é praticamente uma bomba relógio. 
Apesar de muitas coisas ruins terem acontecido em um curto período, Alex tem a chance de conhecer melhor o seu filho, enquanto Jody volta a trabalhar. A relação de pai e filho muda quando eles se veem envolvidos no mundo de Minecraft.
“Eu não tinha pensado nisso antes, em como o autismo é uma versão amplificada e muito centrada de como todos nos sentimos, das ansiedades que todos temos. A diferença é que o restante de nós esconde sob camadas de negação e de condicionamento social”.
Quando terminei a leitura estava com uma sensação gostosa e também senti orgulho pelo que li na história. Não é um livro triste, mas uma história bonita  de aprendizado, onde temos um pai que apesar de conviver com o seu filho não o conhecia realmente, as conversas não iam além de perguntar como estava na escola e o menino não responder.
Sam é um garoto sensível, solitário e que ninguém consegue entender, quando começa a jogar Minecraft ele vê a chance de ser quem ele quer e sonhar, o jogo é um ambiente onde ele tem o domínio e pode dar as ordens, construir, ou seja, o jogo tornou-se o refugio do  qual ele podia conversar com o seu pai e também onde fez amizades.
É bonito de ver a relação deles mudando, antes Alex dava um jeito de fugir e não cuidar do filho por conta das crises, agora ele se preocupa, entrou de vez no mundo do garoto para conseguir entende-lo. Os dois passaram se divertir juntos, aprendendo a conviver e a realmente se conhecer.
A história também fala de deixar o passado para trás, o Alex perdeu alguém que amava muito e por conta desse trauma, ele não conseguia aproveitar o presente, ele se abriu para a sua família, percebeu seus erros para que pode-se seguir em frente.

Gente essa é uma história sensível, todos deveriam ler e valeu totalmente a pena, fazia dias que não lia um livro que me tocasse desse jeito. Tinha tantas coisas para falar, mas não consegui escrever tudo o que queria. Mas se vocês gostam de leituras desse gênero, vale totalmente a pena.
“Algumas construções são importantes porque são grandes, mas algumas são importantes porque têm lembranças dentro delas.”
"Para Sam, o mundo é uma máquina gigante que precisa funcionar de determinada maneira, com ações previsíveis, para garantir sua segurança."
“Não se aprenda ao passado, meu amado... o futuro é aquilo que você pode mudar ”


Comentários
17 Comentários

17 comentários:

  1. Oi, Denise.
    Ha olha se sua intenção era convencer posso dizer que deu muito certo.
    Eu amo histórias assim e já tinha lido uma resenha sobre esse livro, mas ainda não tinha me convencido de que valia a leitura, obrigada por tirar minhas dúvidas.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
  2. Olá Denise, tudo bem?
    Já vi esse livro por aí, mas essa é a primeira resenha que leio. Não sei porque, mas achei que era algo voltado para quem gosta desse jogo, e como eu não... Entretanto, a sua resenha me fez perceber que é muito mais que isso. Adorei!
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. É a primeira vez que ouço falar deste livro, mas já tinha visto uma foto do livro no insta e algo na legenda (agora não lembro) e eu acreditava ser voltado para o jogo, então automaticamente já disse que não leria. Mas agora lendo sua resenha, a certeza que tenho é que preciso ler o livro! Sério, parece ser ótimo. Adoro essas histórias que trazem um significado forte e acredito que esta seja uma.
    Obrigada pela dica!
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  4. Oi, Crivelli.
    Já li muitas resenhas sobre esse livro e todos os leitores dizem a mesma coisa. Quero ler há um tempo, mas ainda não tive oportunidade.
    É um tipo de leitura que me agrada bastante, ainda mais pela mensagem de aprendizado que ele passa.

    Abraço!
    http://tudoonlinevirtual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia fiquei curiosa
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  6. Oi, Denise

    Às vezes também sinto esse orgulhinho ao terminar uma leitura! Já pude ler algumas resenhas e todas sempre são muito elogiosas. Eu gosto muito dessas histórias mais familiares, então acredito que eu apreciaria a leitura.

    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  7. Oie
    Este livro tem um enredo que eu sei que irei gostar, parece ser emocionante. Quero muito ler.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Denise,
    Logo de início pensei que seria algo bem sensível.
    Vou colocar na minha lista!
    Beijo
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, Dê!
    Até um tempo atrás, eu não tinha noção do que se tratava esse livro. Quando comecei a ver algumas resenhas e entender mesmo do que se tratava, adicionei ele na lista de leitura.
    Adorei sua resenha! Deu pra perceber que o livro tocou mesmo você.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção #Sorteio1KSeguidores

    ResponderExcluir
  10. Olá, Denise.
    Esse livro parece ser lindo. Quero muito ler ele. Ainda mais agora que você disse que não é uma história triste. Eu nunca li nenhum livro onde tenha sido abordado o autismo, por isso me interessei muito.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem? Quero muito ler esse livro! Parece mesmo ser uma estória super linda e emocionante... Adorei a resenha!

    Beijos,
    http://duaslivreiras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. eu ja vi realmente muitos comentarios positivos a cerca desse livro, contudo isso nao me faz ainda ter aquela vontade de pegar o livro e le-lo.. mas fico feliz que vc tenha aproveitado a leitura

    perolasdelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Oi, Denise!
    A história parece ser realmente tocante. É muito bom acompanhar o desenvolvimento e amadurecimento de um relacionamento entre pai e filho.
    Adorei a resenha.

    Beijos
    construindoestante.blogspot.com.br || Concorra a um vale presente de R$40,00

    ResponderExcluir
  14. Eu tenho lido ótimas resenhas sobre esse livro, resenhas sensíveis como a sua que colocam uma luz tão generosa e bonita sobre o livro que eu só posso dizer que quero muito ler e me emocionar também!

    Jaci
    #DoQueEuLeio

    ResponderExcluir
  15. Oi Denise,

    Confesso que não estava muito animada em ler esse livro, mas você me convenceu rsrs.
    Vou colocá-lo na lista.

    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  16. Oi Denise,
    Já tinha ouvido falar do livro, mas a sua e a primeira resenha que leio. Gostei da trama e fiquei curiosa para lê-lo.

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Ahim que lindo.
    Estou louca pra ler esse livro!!! *-*
    Agora mais ainda.

    Literatura Estrangeira

    ResponderExcluir