19 de outubro de 2017

Quotes da Semana:

Hoje passei a tarde toda fazendo trabalho da faculdade, nem ia postar hoje, mas como sai mais cedo aproveitei para atualizar aqui.

 “Em toda vida ocorre um momento decisivo. Um instante tão extraordinário, tão claro e tão nítido que temos a sensação de havermos sido golpeados no peito, deixados sem fôlego, sabendo, sabendo, sem a menor sombra de dúvida, que nossa vida jamais será a mesma.” (O Conde Enfeitiçado (Os Bridgertons #6)-Julia Quinn)
"O que seria das nossas vidas sem alguns acontecimentos inesperados? Completamente entediante." ( Os 12 Signos de Valentina- Ray Tavares) 
"As palavras dela tinham poder. Se ela dissesse que estava tudo bem, estava tudo bem. Mas, depois de segurar duas pessoas dando seus últimos suspiros, palavras assim não querem mais dizer merda nenhuma." (O Ódio Que Você Semeia-Angie Thomas)
" - Ás vezes, a gente não tem uma segunda chance, Owen. Ás vezes, as coisas simplesmente acabam" (Confesse - Colleen Hoover)
 “Algumas construções são importantes porque são grandes, mas algumas são importantes porque têm lembranças dentro delas.” ( O menino feito de blocos - Keith Stuart)

17 de outubro de 2017

TAG | Minha vida em Livros:

Hey pessoal, olha eu aqui com mais uma tag, eu vi ela lá no blog da Alice do blog aliceandthebooks  e achei interessante para responder.  Responder tag é uma boa opção para quem anda sem tempo de elaborar postes, eu mesma hoje tenho prova de de Gestão de pessoas II e só passei aqui para atualizar.

1. Encontre na sua estante um livro com a inicial do teu nome.
Escolhi Despedaçada, bom esse livro faz parte de uma trilogia que gostei bastante, inclusive do desfecho que esse apresenta, já que é o último livro da trilogia, agora olhando a capa deu vontade de reler a história.

2. Vá contando a sua idade pelos livros da estante, qual livro está no número da sua idade?
Contando a minha idade pelos livros é 26 e caiu no livro do Percy Jackson, essa história não precisa de apresentação e é uma das minhas preferidas.

3. Escolha um livro que esteja ambientado na cidade / estado ou país onde você mora.
Li esse recentemente, se passa no Brasil e a história é muito gostosa de se ler e engraçada. A protagonista dessa história resolve criar um blog na qual relata a experiencia de encontro com todos os signos e ainda tem que lidar com um novo interesse amoroso.

4. Escolha um livro ambientado em um lugar que você adoraria poder conhecer.
Não lembro de nenhum livro nesse momento, estou com um pouco de pressa para postar.

5. Um livro que tenha a sua cor favorita na capa.
Esse livro tem a minha cor favorita não só na capa, mas por dentro também a fonte das folhas é roxo, os quadrinhos é em roxo Essa história é de uma garota que começa a ver por toda a cidade a Princess X uma personagem criada pela sua melhor amiga e por ela, mas a questão é a única que sabia era a melhor amiga que estava morta, então ela começa a pesquisar sobre esse mistério e pode se meter em problemas.

6. De qual livro você tem boas lembranças?
Repetindo livro nessa tag, ele traz boas lembranças porque foi a primeira série de livros que li por completo e me apeguei logo de cara a história desse livro, fora que foi um dos primeiros livros da minha estante. 


16 de outubro de 2017

Resenha | O Conde Enfeitiçado (Os Bridgertons #6) - Julia Quinn:

Título: O Conde Enfeitiçado (Os Bridgertons #6)
Autora: Julia Quinn
Páginas: 304
Nota: 3,6/5
Skoob: Link

Sinopse: Toda vida tem um divisor de águas, um momento súbito, empolgante e extraordinário que muda a pessoa para sempre. Para Michael Stirling, esse instante ocorreu na primeira vez em que pôs os olhos em Francesca Bridgerton. Depois de anos colecionando conquistas amorosas sem nunca entregar seu coração, o libertino mais famoso de Londres enfim se apaixonou. Infelizmente, conheceu a mulher de seus sonhos no jantar de ensaio do casamento dela. Em 36 horas, Francesca se tornaria esposa do primo dele. Mas isso foi no passado. Quatro anos depois, Francesca está livre, embora só pense em Michael como amigo e confidente. E ele não ousa falar com ela sobre seus sentimentos a culpa por amar a viúva de John, praticamente um irmão para ele, não permite. Em um encontro inesperado, porém, Francesca começa a ver Michael de outro modo. Quando ela cai nos braços dele, a paixão e o desejo provam ser mais fortes do que a culpa. Agora o ex-devasso precisa convencê-la de que nenhum homem além dele a fará mais feliz. No sexto livro da série Os Bridgertons, Julia Quinn mostra, em sua já consagrada escrita cheia de delicadezas, que a vida sempre nos reserva um final feliz. Basta que estejamos atentos para enxergá-lo.

Opinião:
Enfim li o sexto livro dessa série e nele conhecemos mais uma irmã que é a Francesca, ela é um ano mais nova que Eloise e se casou antes com a irmã e quando isso aconteceu, ela foi morar na Escócia com o seu marido, bom poucas horas antes de seu casamento ela conhece Michael primo de seu noivo John e melhor amigo, quando ela se casa Michael passa a frequentar a casa para visitar John já que eles são muito unidos e acaba se tornando um dos melhores amigos de Francesca, mas o que ela não imaginava era que ele é apaixonado por ela e que esconde isso muito bem, mas algo inesperado acaba acontecendo e depois de dois anos de casada Francesca fica viúva e Michael acaba herdando o título de Conde e todos os bens que vêm junto com ele.
Tudo mudou, inclusive a amizade de Francesca e Michael, ela está sofrendo e ele não sabe lidar com isso então acaba partindo para índia, onde viveu por muitos anos, mas quando a saudades bate mais forte ele acaba indo para Londres onde a temporada está para começar e Francesca tem o mesmo pensamento, com isso eles se reencontram depois de muitos anos, ela já não está mais de luto e ele é homem cheio de responsabilidade e conforme vão se aproximando sentimentos e desejo começam a surgir.

 “Em toda vida ocorre um momento decisivo. Um instante tão extraordinário, tão claro e tão nítido que temos a sensação de havermos sido golpeados no peito, deixados sem fôlego, sabendo, sabendo, sem a menor sombra de dúvida, que nossa vida jamais será a mesma.”
Francesca é a menos agitada entre os irmãos e amava muito seu marido, mas depois da morte dele a personagem sofre e muito, mas depois que ela sai do livro podemos ver duas mulheres diferentes a primeira era uma que estava experimentando a felicidade do casamento, onde tudo era novo e que se tornou viuvá da noite pro dia e a outra mulher era uma jovem madura, experiente que estava em busca de um novo marido, mas que não tinha aquele frescor e felicidade e que precisa reencontrar ela de novo juntamente com um novo amor. Ela teve que aprender a abrir seu coração novamente e viver.
Michael apesar de ser um mulherengo ele me conquistou, pois ama a Francesca desde o começo e precisa ficar perto dela e de seu amada, é aquele amor que ele não consegue esquecer durante anos, mesmo estando longe. Fora que ele respeita ela e não faz nada sem o consentimento de Francesca, gostei do Romance deles  e estava torcendo para ninguém ser contra (será que alguém foi?, só vocês lendo para saber). Bom e os dois tiveram que lidar com os fantasmas do passado para que pudessem se libertar e serem felizes. 

Bom esse foi um dos livros que menos gostei da série, não sei se foi porque a personagem quase não teve participações nos livros anteriores e eu não sabia o que esperar dele. Dentre os oito, Francesca é a irmã mais séria e até um pouco conservadora no começo do livro, mas depois que ela e o Michael se aproximam ela começa a soltar a devassa que existe dentro dela, até porque a mulher não é mais ingenua, bom no geral eu curtiu a leitura e estou mais ansiosa para o próximo do que estava por esse. 
Como não me empolguei com esse 6 livro acabo não tendo o que falar muito dele mesmo, apesar da resenha simples espero que tenham gostado.

“A vida era mesmo irônica, Michael costumava pensar quando estava de bom humor. Em seus momentos de estado de espírito menos agradável, lançava mão de um adjetivo bastante diferente.”
“Francesca não gostava de achar que era covarde, mas entre ser covarde e tola, escolhia a primeira opção. De bom grado.”
Livros;

  1. O duque e eu
  2. O visconde que me amava
  3. Um perfeito cavalheiro
  4. Os Segredos de Colin Bridgerton 
  5. Para Sir Phillip, Com Amor
  6.  O Conde Enfeitiçado

15 de outubro de 2017

MÚSICA | PLAYLIST DA SEMANA #91:

Hey pessoal, não deu para postar a playlist ontem, mas hoje estou postando ela. Bom e essa semana vai ser mais uma que não vou poder me dedicar ao blog, lotado de trabalhos e olha que eu não trabalho desde quarta-feira 11/10 (feriado no Estado)  esse feriado prolongado foi só fazendo trabalho de Logística e nem deu tempo de começar os que falta, mas depois do dia 22/12 vamos ter mais tempo de férias para descansar. Sério só tivemos uma semana de férias ai vemos feriados e os professores só sabem passar trabalhos. 

13 de outubro de 2017

Lançamentos | Galera Record - Setembro e Outubro:

Hey pessoal, essa semana anda meio corrida que fica até complicado elaborar postes diferentes, aqui foi feriado na quarta-feira e já emendou com o da quinta e para a minha felicidade não tive aula desde terça e não fui pro estágio desde quarta já que hoje emendarem, mas em vez de aproveitar esse feriado só servi para estudar, to cheia de trabalhos e ainda falta uns quatro para fazer e terminar um outro tudo para semana que vêm.  Pelo menos consegui ler um livro nesse feriado né e para piorar meu sábado e domingo também vai ser focado nos trabalhos.


Sinopse: Um romance sobre amadurecimento e a dureza de crescer em uma cultura que exige das mulheres nada menos que a perfeição. Corey Ann Haydu explora as complexidades da família, os limites do amor e quão duro é crescer em uma cultura que premia a beleza acima de qualquer outra coisa e cobra das mulheres nada menos que a perfeição. Uma leitura atual que dialoga direta e honestamente com a multiplicidade de questões enfrentadas por adolescentes e jovens no mundo todo – a confusão do primeiro amor, os dramas familiares e a construção da própria identidade no meio de toda essa loucura. O livro está cheio de personagens realistas, que tropeçam nos próprios medos e cometem erros com alguns dos quais é impossível não se identificar. Montana e sua irmã Arizona têm um pacto  desde que a mãe as deixou: São elas duas contra todo o mundo. Com o pai sempre imerso em relacionamentos tóxicos e uma sucessão de madrastas essa foi a maneira que encontraram de seguir em frente. Mas agora que Arizona foi para a faculdade Montana se sente deixada pra trás e perdida, mergulhando em uma amizade vertiginosa e empolgante com a ousada Karissa. No meio disso tudo, Montana encontra uma distração em Bernardo. Resta saber se Montana têm a confiança necessária no que sentem um pelo outro para encaixar Bernardo na sua vida imperfeita.


Sinopse: Um romance sobre amadurecimento e a dureza de crescer em uma cultura que exige das mulheres nada menos que a perfeição. Corey Ann Haydu explora as complexidades da família, os limites do amor e quão duro é crescer em uma cultura que premia a beleza acima de qualquer outra coisa e cobra das mulheres nada menos que a perfeição. Uma leitura atual que dialoga direta e honestamente com a multiplicidade de questões enfrentadas por adolescentes e jovens no mundo todo – a confusão do primeiro amor, os dramas familiares e a construção da própria identidade no meio de toda essa loucura. O livro está cheio de personagens realistas, que tropeçam nos próprios medos e cometem erros com alguns dos quais é impossível não se identificar. Montana e sua irmã Arizona têm um pacto desde que a mãe as deixou: São elas duas contra todo o mundo. Com o pai sempre imerso em relacionamentos tóxicos e uma sucessão de madrastas essa foi a maneira que encontraram de seguir em frente. Mas agora que Arizona foi para a faculdade Montana se sente deixada pra trás e perdida, mergulhando em uma amizade vertiginosa e empolgante com a ousada Karissa. No meio disso tudo, Montana encontra uma distração em Bernardo. Resta saber se Montana têm a confiança necessária no que sentem um pelo outro para encaixar Bernardo na sua vida imperfeita.