3 de julho de 2017

Resenha | O Visconde Que Me Amava (Os Bridgertons #2) - Julia Quinn:

Título: O Visconde Que Me Amava (Os Bridgertons #2)
Autora: Julia Quinn
Páginas: 288
Nota: 5/5
Skoob: Link

Sinopse: A temporada de bailes e festas de 1814 acaba de começar em Londres. Como de costume, as mães ambiciosas já estão ávidas por encontrar um marido adequado para suas filhas. Ao que tudo indica, o solteiro mais cobiçado do ano será Anthony Bridgerton, um visconde charmoso, elegante e muito rico que, contrariando as probabilidades, resolve dar um basta na rotina de libertino e arranjar uma noiva. Logo ele decide que Edwina Sheffield, a debutante mais linda da estação, é a candidata ideal. Mas, para levá-la ao altar, primeiro terá que convencer Kate, a irmã mais velha da jovem, de que merece se casar com ela. Não será uma tarefa fácil, porque Kate não acredita que ex-libertinos possam se transformar em bons maridos e não deixará Edwina cair nas garras dele. Enquanto faz de tudo para afastá-lo da irmã, Kate descobre que o visconde devasso é também um homem honesto e gentil. Ao mesmo tempo, Anthony começa a sonhar com ela, apesar de achá-la a criatura mais intrometida e irritante que já pisou nos salões de Londres. Aos poucos, os dois percebem que essa centelha de desejo pode ser mais do que uma simples atração.

Opinião:
Enfim depois de um tempo querendo ler esse segundo livro eu consegui e pior que li tão rápido em apenas dois dias. Não conseguia largar ele adorei a história desse segundo livro.
Nesse o visconde Anthony é o Bridgerton mais velho e resolve se casar, como ele achava que iria morrer cedo preferia não se apaixonar e por isso vai atrás da garota mais requisitada da temporada que é a Edwina , mas a garota possui uma irmã mais velha que é difícil de agradar e os pretendentes das jovens precisam da aprovação de Kate para se aproximar de sua irmã. Só que a Kate não gosta dele, pois o Anthony não tem lá uma reputação muito boa.  Os dois começam a implicar um com o outro e ela não aceita que ele se aproxime de sua irmã, mas isso não o impede só que quem está nos pensamentos dele é a Kate e ele nem entende isso já que ela tem uma aparência mais comum.
"Era engraçado, refletiu mais tarde, como a vida de alguém podia mudar num único instante, como tudo podia ser de um jeito num minuto e, no seguinte, simplesmente se transformar em algo diferente."
Kate é uma mulher que fala o que pensa, além disso se preocupa muito com sua família e sempre coloca ela em primeiro lugar.  Ela não tem muita autoestima e nem esperança de casar, já que os homens só demonstram interesse em sua irmã e esquece que a coitada existe, mas aos poucos Anthony vai vendo como ela é especial, inteligente, engraçada, esperta e sincera. Ela conquistou minha simpatia assim que apareceu.
Anthony, acredita que vai morrer cedo e não quer se apaixonar e  a insistência de se aproximar da Edwina acaba o tornando próximo da Kate, os dois discutem bastante e possuem uma química boa, apesar dele ser um tanto quanto machista, mas pela época que se passa da para relevar.  Torci muito para que os dois se entendessem e minha gente tinha hora que dava vontade de dar uma sacudida nele, pois não percebia seus sentimentos sobre a Kate, mesmo tanto na cara que ele estava apaixonado por ela.

Gostei bem mais de O Visconde Que Me Amava do que do primeiro livro, não conseguia largar ele e por isso li super rápido, a Kate é uma personagem que eu gostei desde que apareceu e essa situação dos pretendentes da irmã dela ir conversar com ela primeiro até lembrou um pouco por situações que eu já passe que alguns garotos interessados na minha irmã mais nova tentava chegar perto dela conversando comigo, mas é coisas da vida né e agora isso não acontece mais, bom a protagonista teve sorte porque cresceu em uma família boa e que se importam com ela e nesse caso o sangue não importa, pois a mãe dela se comportavam com as garotas da mesma forma, ao contrario do  que acontece no livro que estou lendo atualmente.
Se eu vivesse nessa época com certeza casaria com o Anthony e ainda mais que a mãe dele parece ser daquelas sogras que todo mundo quer. Bom fico feliz dele ter percebido os atributos de Kate, porque ela merecia ser vista.
Minha resenha não ficou lá aquelas coisa, gostei tando da resenha que fiquei com dificuldade para escrever, as vezes gosto muito e quero escrever bastante e outras gosto muito e quase não consigo falar da história.

"Alguns laços, ele começava a perceber, eram mais fortes que os de sangue."
“Mas amor era uma complicação que ele preferia evitar. Não tinha desejo algum de presenciar esse milagre em particular na própria vida.”



Comentários
8 Comentários

8 comentários:

  1. Olá...
    Adorei sua resenha!
    Tenho muita vontade de ler algo de Julia Quinn e agora com sua resenha minha vontade aumentou ainda mais, pois, a obra parece conter todos elementos que me agradam em uma obra ;)
    Dica anotada
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Denise

    De todos os livros da série que já li esse é o que menos gosto. Eu gostei muito do Anthony no primeiro livro, mas no segundo eu o achei um belo de um hipócrita, por isso rebaixei ele no meu ranking! Ahahahha
    Mas mesmo assim a história é gostosa e a Kate é maravilhosa.
    Que bom que gostou tanto.

    Beijo
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Denise
    Eu sou suspeita em falar, porque eu amo esta série, meu preferido é o Duque e eu.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Dê!
    Me identifiquei bastante com a Kate em certos aspectos, principalmente a postura na hora de sentar hahhahhahah
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  5. E eu não li ainda! Mas pela empolgação de ler esse livrão em 2 dias... quer dizer que a história é maravilhosa!

    ❥ AmigaDelicada.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Denise,
    HAHA das sogras que todo mundo quer...já curti.
    Esses históricos tem leitura rápida mesmo, super fluídos.

    tenha uma ótima terça =D
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  7. Adoro os comentários sobre as histórias, parecem ser leves, não só a desse livro mas de toda série. Deve ser uma leitura gostosa e divertida. Mas não faz meu estilo..

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Denise,
    Dessa série eu já li até o terceiro livro (que inclusive resenhei no blog), esse até agora foi meu preferido também. Ri muito. Mas o terceiro, prepare seu coraçãozinho, ele não é tão bom. Até fiquei com raiva... Por isso murchei em continuar a ler a série por agora...
    Bjos
    http://www.kelenvasconcelos.com.br/

    ResponderExcluir