19 de julho de 2017

Filme | A bailarina:

Título: A bailarina
Duração: 1 hora e 30 minutos
Gênero: Animação
Ano: 2017
País de Origem: França

Sinopse: Paris, 1869. Uma sonhadora menina órfã toma uma atitude arriscada para conseguir o que quer: foge para Paris para realizar o sonho de ser uma grande bailarina. Lá ela decide se passar por outra pessoa, e consegue uma vaga no Grand Opera, onde vai aprontar muitas aventuras.







Opinião:
Hey pessoal, quase não apareço com a coluna de filmes por aqui, mas é que assisto mais série e fico com preguiça de escrever sobre os filmes que assisto, mas esse acho que vale a pena comentar aqui, já que vi poucos blogs comentarem sobre ele.
Eu assisti o filme com a minha mãe e ela também adoro, nele conhecemos uma garota órfã que sonha em ser Bailarina, essa garota em questão se chama Félicie e junto com o seu melhor amigo Victor que sonha em ser inventor e juntos fogem para ir a Paris, um lugar lindo. Eles tem um sonho, mas não tem onde morar e ai que acidentalmente acabam se separando por um dia, por conta de um pequeno acidente, ela acaba indo parar o teatro que é onde fica a escola de dança e conhecendo Odette que é uma faxineira e manca, ela começa a vivem junto com Odette e vai parar na casa que a mulher trabalha onde moram a patroa e sua filha chamada Camile, uma garotinha que se mostrou insuportável e mimada desdo começo destratando a coitada da Félicie que não tinha feito nada.
Quando surge uma grande oportunidade, Félice acaba não desperdiçando, mesmo que o que esteja fazendo seja errado, já que ela finge ser a Camile para estudar na escola de dança.
“Cada nota, cada som, cada harmonia, precisa ter seu corpo vibrando da ponta do seu cabelo até as pontas dos dedos dos pés.” (Frase do filme)
A Bailarina é um filme fofo que fala sobre não desistir de seus sonhos, mesmo que algumas pessoas achem que ela não merecia isso, por ter crescido em um orfanato. A personagem se esforça para alcançar o nível das outras garotas, mostrando que tem potencial para ser uma ótima bailarina, dançar mantinha ela feliz. O filme mostra uma garota jovem batalhando pelos seus sonhos, mas isso não é possível sem esforço e que quando alcançar o que almeja não pode deixar isso subir para a cabeça e ignorar as pessoas que querem o melhor.
Bom eu não sou lá muito boa para falar de filmes, mas eu indico esse, fora que eu adorei a trilha sonora dele.

“Deixei você entrar na minha vida e você mentiu para mim.”
“Ah, sim, Paris! Cidade do romance. Cidade dos sonhos.”

Trailer:
 

Música:



Comentários
7 Comentários

7 comentários:

  1. Oi Denise.
    Eu preciso assistir esse. Desde que foi lançado e vi o trailer, fiquei super a fim de conferir. Valeu a dica.
    Bjus
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  2. Não consegui terminar de assistir (Lara não deixou kkk), parei justamente na parte que ela se coloca no lugar da Camile.

    Mas ainda vou (arrumar um tempo) terminar.

    Beijos.

    jovensmaesblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi, Denise!
    Quanto tempo!

    Eu não conhecia esse filme, mas só de assistir ao trailer já deu pra perceber que é bem divertido. Já anotei aqui pra tentar ver no fim de semana. ;)

    Beijos,
    http://helendutra.com

    ResponderExcluir
  4. Queria muito ter assistido esse filme no cinema, mas não consegui. Parece ser muito amorzinho mesmo.

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  5. Que bonitinho!
    Adorei o enredo e achei o traço da animação tão lindo!
    A França faz umas histórias bem lindas.
    Vou indicar para as minhas sobrinhas - e assistir com elas, hahaha.

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Denise!
    Ainda não conhecia o filme, mas adoro animações, quero assistir.

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bom? Eu não conhecia o filme e confesso que não curto muito animações, então acho que não me arriscaria a assistir mesmo com sua resenha positiva.

    Beijos
    https://resenhaatual.blogspot.com.br/2017/07/resenha-esqueca-o-amanha-pintip-duun.html

    ResponderExcluir