Música | Playlist da Semana #75:

Hey pessoal, a playlist de hoje está pura nostalgia, esses dias me deu uma vontade de escutar as músicas do RBD, vou ver se acho por ai. Vocês também costumava escutar esse tipo de música? Ainda faltou alguns cantores/música porque não dá para colocar tudo.
Alguns escuto até hoje como Hilary, Jojo, Belinda.  

Dorama | Chicago Typewriter:

Título: Chicago Typewriter 
Episódios: 16
Duração: 1 hora e 16 min
Gênero: Romance, Mistério, Sobrenatural, Policial, Comédia.
Ano: 2017
País de origem: Coreia do Sul
Onde encontrar: Online | Online²

Sinopse: O que é preciso para manter o seu status como um de autor best-seller? Han Se Joo (Yoo Ah In) foi um escritor em sua vida anterior durante a ocupação da Coreia pelos japoneses nos anos 1930. Ele reencarnou como um autor de best-seller nos dias atuais. Mas Se Joo está deprimido e tem um bloqueio de escritor que o impede de completar o seu próximo best-seller. Yoo Jin Oh (Go Kyung Pyo) é um escritor fantasma talentoso que pode tirar Se Joo dessa situação difícil, mas o misterioso homem tem uma condição para seus serviços que Yoo Jin Oh não pode atender. Jeon Seol (Im Soo Jung) é uma veterinária amante de livros que se torna uma anti fã do superestimado Se Joo. Se Joo conseguirá produzir outro best-seller sobre circunstâncias tão difíceis? "Máquina de Escrever Chicago" é uma novela sul-coreana de 2017 dirigida por Kim Cheol Kyu.
Opinião:
Essa reviw vai ser um pouco mais rápida, já que posso acabar dando spoiler por algo que não devia.
A história se passa em duas época diferentes a atual 2017 e em 1930. No ano de 2017 conhecemos a Jeon Seol (Lim Soo-Jung) uma mulher inteligente e que já teve vários trabalhos, ela é super fã do escritor Han Se-Joo (Yoo Ah-In), só que quando se conhecem a situação não é tão boa, com uma clima de desconfiança por parte do escritor.
O Se-Joo está passando por um bloqueio e não consegue escrever seu novo livro, levando seu empresario a contratar um escritor "fantasma" que é realmente um fantasma que estava preso em uma máquina. Ele começa a contar sobre a vida anterior do escritor e da Jeon Seol, os três eram amigos em 1930 e lutavam pela mesma causa, eram de uma aliança  e lutavam contra a ocupação da Coreia.

No passado tem personagem que precisa se disfarçar, a melhor atiradora é uma mulher,  amizades que apesar do clima que estão ainda conseguem sorrir, traição por alguém da equipe e até por um amigo. Nos anos de 1930 a cidade que eles viviam era um caos e o vilão tentava se passar por bom moço.
Já em 2017 a maioria dos personagens que viveram em 1930 estão de volta e continuam interligados por conta do passado. Eles começam a se lembrar com a ajuda do fantasma tudo o que viveram para transformar em um livro.
Han Se-Joo (Yoo Ah-In) no começo é um personagem fechado e até um pouco esnobe, não tem amigos verdadeiros e foi enganada por uma pessoa que considerava ser da família. Mas aos poucos ele vai se tornando mais solto e começa até se divertir apesar de suas preocupações, graças a ajuda do Yoo Jin-O (Ko Gyung-Pyo) que no começo ele não suportava e vivia brigando, mas que apesar da situação do Jin-O eles se tornaram ótimos amigos.
Uma história que tem ação, suspense, romance e também amizade e claro ainda envolve o mundo da literatura.




Vídeos:

Strong Woman Do Bong Soon - Online¹ | Online²



Nacionalizando | Dica de livros #13

Hey pessoal, faz pouco mais de um mês que postei essa coluna e hoje resolvi postar ele, aproveitando que to enrolando para escrever a reviw de um dorama.


Título: Coroa de Ferro e Trono de Espinhos
Autora: Alana Gabriela
Páginas:  428
Skoob: Link

Sinopse: Em Coroa de Ferro e Trono de Espinhos, a A Bela e a Fera, Édipo Rei e Aquiles se encontram num universo repleto de ação, segredos, mistérios e romance. Na corte de Portlaiose o vento sibila impiedoso, as sombras dançam nas paredes do castelo e a hierarquia invisível sobrevive como cinzas na neve... O rei Marteen de Portlaise está morto e seu filho mais velho e o herdeiro direto, Joachim, subiu ao trono. Com o alvoroço das guerras nas fronteiras o pulso firme do jovem rei é o que tem sustentado o reino em suas constantes batalhas para proteger o território de invasores. Em meio ao caos e a busca para encontrar aliados, o irmão mais novo do rei, Gillean, acaba sendo morto. Uma caçada para encontrar o culpado se inicia. Tudo que Joachim pode fazer é ir atrás daquela que matou seu irmão para aplacar o mais temível de seus sentimentos e salvar o império da destruição. Ele precisa encontrar Ceridwen Hill, a dama da legião!
Breve comentário:
Uma história que fala de reinos, buscas pelo poder, vingança, segredos e de mulheres que são guerreiras, inclusive a protagonista é considerada a melhor. E a Ceridwen usa uma máscara desde criança, por isso é um mistério para muitos. Como disse na sinopse a história possui elementos de A Bela e a Fera, Édipo Rei e Aquile que da para perceber claramente, mas que não deixa de ser original.





Título:  Sobreviventes do Caos (Da trilogia 2323)
Autora: Bianca Gulim
Páginas: 457
Skoob: Link

Sinopse: Em um mundo distópico, no ano 2323, após ser quase dizimada por um vírus mortal e pela guerra, a raça humana tenta se reestruturar. Com poucos recursos disponíveis, a humanidade encontra-se dividida em grupos que vivem de acordo com regras impostas por seus líderes. Celine cresceu nesse ambiente hostil e se tornou líder dos guerreiros de seu povo após a morte de seus pais. Seu grupo se envolve em diversos conflitos e a jovem precisa tomar as decisões que julga corretas para garantir a sobrevivência de seu povo, enquanto se envolve num forte romance, do qual tenta se manter afastada. Aos poucos, ela descobre mais sobre as pessoas que a cercam e percebe que, quando se trata de lutar pela própria vida, poucos são previsíveis. Só os mais fortes sobrevivem, e os mais fortes normalmente são os mais crueis. Nesse ambiente, o mais difícil é saber quem realmente está ao seu lado e quem é um traidor. Será Celine capaz de manter sua benevolência frente à tanta violência que a rodeia? Seu coração terá espaço para a paixão, cercado de tanto ódio? Prepare-se para muita adrenalina e romance nesse primeiro livro da trilogia 2323. Você vai perder o fôlego!
Breve comentário:
Esse é uma distopia Nacional. Um vírus destruiu grande parte da população e o que restou são divididos em povos, alguns com muitos e outros com poucos. As pessoas precisam lidar com esse mundo destruído por uma doença e também sobreviver da guerra travada pela ganancia e poder do homem. Em vez de se unirem, estão se destruindo por conta do interesse de poucos.



Sorteio | Sorteio de 2 anos do Cantinho Cult:

Hey pessoal!
O blog Cantinho Cult completa 2 anos, e para comemorar,o blog Momento Crivelli resolveu se juntar a essa comemoração. São em torno de 39 blogs, autores e editoras, para fazer esse sorteio para vocês e dividir a alegria dessa data tão especial. São ao todo 40 livros, muitos marcadores e um Kit Blogueiro exclusivo com Layout Personalizado (a escolha do ganhador), arte de marcador, capa para as redes sociais e um mídia kit exclusivo! Vamos então ao que interessa?

Resenha | Victoria e o Patife - Meg Cabot:

Título: Victoria e o Patife 
Autora: Meg Cabot
Páginas: 256
Nota: 3/5
Skoob: Link

*Livro cedido pela editora
Sinopse: Neste romance histórico juvenil escrito pela autora de “O diário da princesa”, acompanhamos a trajetória de Victoria. Criada pelos tios na Índia, ela é enviada a Londres aos 16 anos para conseguir um marido. Mas é na longa viagem até a Inglaterra que a jovem encontra o amor, na figura de Hugo Rothschild, o nono Conde de Malfrey. Tudo estaria ótimo se não fosse a insuportável interferência do capitão do navio, Jacob Carstairs. Por que ele não pode confiar na escolha de Victoria? Por que ele não a deixa em paz? Estaria Hugo escondendo algo?



Opinião:
Sempre é bom ler um livro mais leve e mais rápido e esse livro da Meg Cabot é bom para isso, principalmente quando se está em uma ressaca literária ou quer intercalar com leituras mais pesadas. Victoria e o Patife conta a história de uma garota de 16 anos que está indo para Londres depois de muitos anos vivendo na Índia com os seus dois tios solteiros, já que agora Victória já está na idade de ser apresentada á sociedade para buscar um marido, além disso ela precisa a se comportar um pouco melhor, ela é uma dama só que acaba fazendo algumas coisas que uma jovem da idade dela não faria.
Antes de chegar em Londres ela passa alguns meses dentro de um navio e acaba conhecendo o galanteador Hugo Rothschild que é um caça herdeiras e acaba iludindo a coitada da jovem e o jovem Jacob Carstairs que é capitão do navio e que ganhou a antipatia dela, já que ele sempre aparecia nos momentos inapropriados e adorava provocar ela.

 "Victoria estava prestes a declarar que o colarinho de Jacob Carstairs era tão baixo quanto seu conceito sobre ele, quando lhe ocorreu que não seria bom alimentar Rebecca. A jovem tinha planos para ela. Pois, assim que a vira de olho em Jacob Carstairs no cais, havia decidido que ele era o último homem na face da Terra com quem ela permitiria que a prima se envolvesse."
Victoria é uma jovem que foi criada por dois homens e de uma forma mais livre, por isso ela tinha mania de controlar a vida das pessoas, achando que era o melhor para elas, mas isso irritou um pouco porque ela era mandona, intrometida e se as coisas não saíssem como ela queria acabava ficando brava, ele achava que todo mundo precisava que a vida fosse concertada, mas não percebia que quem merecia isso era ela mesmo. Ela maltratava o coitado do Jacob mesmo ele querendo o melhor para ela e estava cega a respeito do Hugo, mas na verdade ela queria casar com ele não por amor e sim porque a vida do homem precisava ser organizada e acabou confundindo isso com amor.
Jacob é um homem rico, conquistou tudo com trabalho e apesar de não parecer é um cavalheiro, ele é amigo do tio de Victoria e por isso sempre aparece pela casa, desde que conheceu a garota no navio se preocupa com o bem estar dela e olha que o coitado só levava patada da garota, ele queria abrir os olhos de Victoria a respeito do Hugo. Gostei do personagem logo de cara, ele está sempre disposto ajudar quem precisa e não tinha medo do trabalho.
Hugo desde que apareceu fiquei com a impressão que tinha algo de errado com ele, e não me enganei, ele não presta e é um caça fortuna, já que é um Conde falido e que só ao escutar a palavra trabalhar já da chilique. Ele é desprezível e a mãe dele também, fiquei morrendo de raiva de uma coisa que eles fizerem mais lá pro final do livro.
Além desses tem Rebecca prima da Victoria que adora pegar os vestidos da garota emprestado, além foi manipulada facilmente pela prima na hora de escolher um pretendente.

Como eu disse antes a protagonista me irritou um pouco por conta de suas atitudes, mas é uma história gostosa de se ler. Eu curti, mas de todos os livros que li da autora foi o que menos me agradou.  A história tem um humor sutil e irônico, além de ser um romance de época juvenil.
Victoria é muito mimada e em vez de se adaptar a casa que ela vivia, acabou adaptando a casa a ela. Seus primos não podiam nem brincar dinheiro na casa e ela achava ruim por conta do barulho, acho que o comportamento dela se tornou meio mesquinho pelo fato de que antes era uma única mulher no meio de dois homens que não ligavam para o cuidado da casa, fazendo Victoria tomar as responsabilidades para si mesma.

Bom a capa está linda, fora que o livro tem um tamanho pequeno e com as letras grandes acaba se tornando uma leitura fácil. Estava louca para ler esse livro e acho que foi por isso que acabei me decepcionando um pouco, já que as expectativas estavam altas. 
Como eu sempre falo essa é apenas uma opinião, na dúvida leia o livro, quem sabe vocês gostam.

"Eu acho que seria mais excitante ser casada com alguém que não precise de você, mas apenas...que a queira"
"Afinal, por mais que Victoria tivesse aprendido quase tudo que sabia sobre histórias de amor com a dama de companhia, havia uma coisa ainda mais importante que aprendera com os tios: o espírito esportivo. Ou seja, aceitar as perdas com elegância e passar pelas dificuldades com coragem."


Música | Playlist da Semana #74:

Hey pessoal, Bom final de Domingo, estou com esse poste pronto desde ontem, mas acabei deixando para hoje.


Denise Crivelli, 27 anos, sul-mato-grossense, formada em Publicidade e estudante de Administração, viciada em livros, doramas e séries.

Facebook

Sorteio

Facebook

Busca

Arquivos

Seguidores

Populares

Tecnologia do Blogger.