5 de junho de 2017

Resenha | Sobreviventes do Caos (Da trilogia 2323) - Bianca Gulim:

Título:  Sobreviventes do Caos (Da trilogia 2323)
Autora: Bianca Gulim
Páginas: 457
Nota:4/5
Skoob: Link

Sinopse: Em um mundo distópico, no ano 2323, após ser quase dizimada por um vírus mortal e pela guerra, a raça humana tenta se reestruturar. Com poucos recursos disponíveis, a humanidade encontra-se dividida em grupos que vivem de acordo com regras impostas por seus líderes. Celine cresceu nesse ambiente hostil e se tornou líder dos guerreiros de seu povo após a morte de seus pais. Seu grupo se envolve em diversos conflitos e a jovem precisa tomar as decisões que julga corretas para garantir a sobrevivência de seu povo, enquanto se envolve num forte romance, do qual tenta se manter afastada. Aos poucos, ela descobre mais sobre as pessoas que a cercam e percebe que, quando se trata de lutar pela própria vida, poucos são previsíveis. Só os mais fortes sobrevivem, e os mais fortes normalmente são os mais crueis. Nesse ambiente, o mais difícil é saber quem realmente está ao seu lado e quem é um traidor. Será Celine capaz de manter sua benevolência frente à tanta violência que a rodeia? Seu coração terá espaço para a paixão, cercado de tanto ódio? Prepare-se para muita adrenalina e romance nesse primeiro livro da trilogia 2323. Você vai perder o fôlego!

Opinião:
Eu recebi esse e-book da autora e acabei demorando um pouco para finalizar a leitura, mas agora trago a resenha para vocês.
O ano é 2323 é tudo que conhecemos não existe mais, a população diminuiu consideravelmente  e vivem em grupos diferentes, como o povo da Fortaleza que são os que possuem as melhores coisas, armas, equipamentos, roupas, os Aligortes que são aqueles que não prestam e a primeira chance que tiverem apunhalam o aliado pelas costas, o Povo da areia que possui muitos guerreiros,  e que divide sua população em tribos e por fim o povo liderado pela Celine que não lembro de ter lido o nome desses povo.
Apesar dos inimigos sempre por perto o acampamento que Celine vivia estava tranquilo, seu irmão era o líder e eles se aliaram com Aligortes que são péssimos guerreiros,  só que o irmão dela foi para a fortaleza em busca de aliados e deixou Celine no comando, mas em um piscar de olho tudo mudou, os Aligortes transfonaram seus aliados em prisioneiros, matando alguns guerreiros dos mesmos.
Com isso ela conhece Luke e sua irmão que são do provo da areia e que fugiram do líder ditador, eles conseguem fugir e  Celine conhece os outros fugitivos  do povo da areia e tenta bolar um plano para salvar o seu.
"Sei que estou pedindo muito. Sei que ele sabe que não é seguro que dois dos melhores guerreiros deixem o acampamento em busca do melhor guerreiro que foi em missão de paz e ainda não voltou. Mas foda-se. Só quero ir atrás do meu irmão. Quero saber se ele está bem. Também me preocupo com meu povo, mas meu irmão está acima de qualquer coisa."


Celine é aquela garota forte, que aprendeu desde cedo a lutar e que sua única família era seu irmão,  ela é esperta e cheia de boas estratégias. Se preocupa com o seu povo e sempre leva em consideração o desejo deles.  Ela é daquelas que é a primeira a liderar em situações criticas. 
Max é da fortaleza, mas fugiu e foi recebido pelo irmão da Celine, ele é um bom guerreiro e mesmo que alguns personagens desconfiam dele, mas a garota sabe que ele não os abandonariam. Eu já shippo ele é a Celine, só que achei ele um pouco obsessivo a respeito dela.
Luke é do povo da areia e foi feito prisioneiro e dessa forma conheceu a Celine, eu gostei do personagem ele é um caçador, mas pode aprender a ser guerreiro, só não gostei desse amor instantâneo que ele começou a sentir.
Noah é um dos guerreiros do povo da areia que fugiu do líder ditador, ele é um pouco contra as ideias da Celine, mas acaba aceitando o que é proposto.

Eu gostei bastante da história, sobre esses povos que precisam lutar para sobreviver em um mundo que já foi destruído, mas que mesmo assim a ganancia do ser humano quer destruir o que sobrou da população, tudo pelo poder. Em que apesar dos riscos é importante que cada povo seja unido. 
Uma coisa que não gostei foi a tentativa de forçar um triangulo amoro, creio que não tem necessidade, ainda mais porque piscou os olhos e o Luke já estava apaixonado pela Celine e ele não tem química com a personagem e pior que a Celine falou que não ir dar esperança, mas ela fez exatamente ao contrário.
Personagens como Jafar, despertam minha raiva já que em vez de priorizar a união dos povos, eles preferem a destruição e o poder.
Bom o livro terminou com um baque para a Celine, e já estou com raiva da pessoa que apareceu.

"Apenas levanto a sobrancelha. Muito ousado esse Max. Eu sou a líder quando meu irmão não está e ele ousa rir de uma ordem minha. Aliás, eu nem sei por que perco meu tempo. Esse filho da puta não obedece ninguém. Desde que mudou de lado, há um ano, vive conosco sem respeitar qualquer hierarquia. O desgraçado faz o que tem vontade e ponto. Só está aqui porque meu irmão confia nele."


Comentários
13 Comentários

13 comentários:

  1. Oie Denise =)

    Venho lendo boas resenhas do livro da Bianca e em minha opinião pela premissa a história parece ser bem interessante.

    Gostei dos pontos que você destacou e quando eu tiver oportunidade/tempo pretendo dar uma chance a história =)

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  2. Oi Denise!
    Esse livro parece ser bom, gosto do tema dele. Pena que tem triângulo amoroso, eu enjoei de ver isso nas histórias.

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  3. fiquei bastante curiosa
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Oi Dê, tudo bem? Só leio críticas positivas desse livro, o universo construído pela autora parece ser muito bom!!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. Odeioo quando o autor força triângulo amoroso, que coisa desnecessária kkkk mas de resto fiquei interessada na história, uma distopia de sobrevivência e construção de laços. Essa obra tá bem famosa, já é a milésima resenha que leio dela kkkk só falta eu ler! Sucesso pra autora!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oie Denise.
    Obrigada pela resenha, gostei muito do texto.
    Fico feliz por você ter gostado da leitura.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  7. Oláá! Tudo bem?
    Já andei vendo coisas boas sobre esse livro pela internet e eu tenho gostado, porque é bem o estilo que eu curto. Então gostei de ver mais a sua opinião! mas fiquei triste por esse ponto que falou do romance... ''/
    beeijo

    http://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Já vi uma foto deste livro, mas não tinha parado para ler nada sobre o mesmo.
    Gostei de trazer essa questão da natureza do ser humano que só quer o poder e não percebe que está destruindo tudo ao seu redor.
    Me desanimou a questão do triângulo amoroso, porém, sem dúvida ainda é uma história que eu tenha interesse e ler.
    Adorei como expôs seus sentimentos em relação a história.
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  9. Oi Denise,
    Que interessante a proposta do livro, mas quase não leio distopias.
    Tomei um choque com o ano aqui, sos nem estarei viva.

    tenha uma ótima terça :D
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  10. Oi Denise,

    Não conhecia o livro, mas a trama parece ser muito interessante.
    A maioria dos livros sempre tem um triangulo amoroso né?
    Dica anotada.

    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Denise,
    Não sou muito fã de distopias, então não sei se o leria, mas que bom que você gostou apesar do triângulo amoroso.

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi Denise, sua linda, tudo bem?
    Ai meu Deus você também gostou do Max??? Tira o olho que ele é meu, risos... Eu também gostei da trama de cada povo, da autora revelando cada um deles, aos poucos. O final foi um baque mesmo, só quero ver o que irá acontecer a seguir. Sua resenha ficou ótima!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir