Música | Playlist da semana #97:

Hey pessoal, mais uma playlist por aqui e pensa a pessoa que está feliz, já estamos em dezembro e falta pouco pras aulas acabarem se der tudo certo farei a última no dia 13 e enfim os trabalhos acabaram, falta pouco pra me jogar nas leituras atrasadas.

TOP 5 | Livros que iniciam com a letra D

Hey pessoal, nem ia postar hoje, mas ai tive essa ideia  de fazer um top 5 com  a letra D que é a inicial do meu nome Denise e foi meio difícil conseguir achar cinco livros que começam com a letra D. Essa semana foi cansativa, entrou uma nova etapa no estágio e a minha turma da faculdade fez um evento de palestra que durou dois dias e cansou pra caramba.



Sinopse: West Yorkshire, 1977. Um assassino em série está aterrorizando o pequeno condado inglês, e a polícia encontra dificuldade em resolver o caso – mesmo tendo interrogado o assassino (sem o saber) nada menos que nove vezes. Enquanto a história se desenvolve ao seu redor, Una, então com 12 anos, vivencia uma série de atos violentos pelos quais se culpa. Por meio de um entrelace de imagem e texto, Descontruindo Una examina o significado de se crescer em meio a uma cultura na qual a violência masculina não é punida ou questionada. Com uma retrospectiva de sua vida, Una explora sua experiência e se pergunta se algo realmente mudou, desafiando a cultura que exige que as vítimas de violência paguem por ela.

Essa é uma granpic novel, muito boa e revoltante já que a história são os relatos da própria autora pelo que ela passou na vida, mas tem belas ilustrações apesar da história triste.

Quotes da semana:

Hey pessoal, não tenho muito o que falar hoje só que as coisas andam corridas por conta da faculdade.

"Ando pensando ultimamente que crescer é como passar por portas de vidro que só se abrem em uma direção; você consegue ver de onde veio, mas não pode voltar." (Yaqui Delgado Quer Quebrar a Sua Cara - Meg Medina)
"― Exatamente, e eu pretendo estar sentada em um restaurante muito romântico, cujas reservas eu fiz há semanas, usando o vestido vermelho mais sexy que eu já comprei e olhando nos olhos no homem mais sexy que eu já vi na vida. – pego o marcador da mão dele, fazendo-lhe uma careta. – Eu preciso disso, Miguel." ( Um Namorado Para Zoe (Mercy Bay #1.5) -  Layla Casanova)
"A única certeza sólida que eu tenho é que um “eu te amo” dói. Dói de maneira a colocar você deitada no chão, curvada em uma bola enquanto se acaba de chorar. Dói do jeito que corações partidos doem. E quanto mais tempo você ama, mais partido fica o seu coração no fim. Maior é a dor." (As cicatrizes de andy -  Layla Casanova)
 "E eu nunca recebi muito amor na vida, mas recebi dor. E é algo que eu não estou procurando, é algo que eu evito com afinco. Estive em um lar temporário onde a mãe adotiva dizia que a dor criava caráter. Fico tão feliz que a vaca louca tenha morrido. Dor só traz isso: dor. Nada mais. Nada que eu tenha interesse."  (As cicatrizes de andy -  Layla Casanova)
"Não acredito nas pessoas, mas, para abalar com minhas convicções, existem os... atos de bondade. (...) Os atos altruístas enfraqueciam as minhas crenças e, por mais que eu resista, insistem em me surpreender." (13 - FML Pepper)


Resenha | Treze - FML Pepper:

Título: Treze
Autora: FML Pepper
Páginas: 406
Nota: 4/5
Skoob: Link
*cedido pela editora
Sinopse: “TREZE, o romance repleto de ação e de reviravoltas onde por detrás dos mistérios de um número encontra-se o verdadeiro amor”. Às vésperas de cometer o maior golpe de sua vida, a céticaRebeca vai a um parque de diversões decadente e se depara com uma enigmática cartomante que, contra a sua vontade, faz uma série de previsões bizarras sobre seu futuro. Para seu desespero, todas as nefastas previsões viriam a se concretizar e a arremessariam em um furacão de perdas e de derrotas. Quando sua vida chega ao fundo do poço, circunstâncias inesperadas lhe dão a chance de um recomeço e, querendo ou não, agora Rebeca não pode desprezar a última e mais perturbadora previsão da vidente: o número TREZE, ou melhor, o décimo terceiro namorado seria o homem que traria sua salvação. Longe dele, sua existência seria apenas caos e ruína. O que Rebeca jamais poderia imaginar, no entanto, é a que a cartomante camuflaria o predestinado atrás de charadas. Dois rapazes surgem em seu caminho e se encaixam perfeitamente nas pistas, mas apenas um deles será o grande amor da sua vida. É chegada a hora de decifrar o enigma do coração ou arriscar perder tudo para sempre.

Opinião:
Estava bem curiosa para ler esse livro, mas ele acabou demorando um pouco para chegar, ele foi uma solicitação da editora Galera Record. Bom nele conhecemos Rebeca que é uma ladra assim como a sua mãe, mas nesse caso sua especialidade é informatica. Ela está se preparando para um último roubo com a sua mãe, mas antes disso sua amiga a carrega para um parque caindo aos pedaços para que possam encontrar uma vidente, Rebeca não acredita nessas coisas , mas acaba se deparando com a tal vidente em uma noite chuvosa que faz algumas previsões e uma dela é que o 13 o homem da sua vida, mas é claro que ela não acredita, mas quando as coisas começam a dar errado ela começa a pensar que a vidente pode estar certo, depois desse encontro muitas coisas acontecerem e dois anos depois ela está em uma nova cidade, fazendo faculdade que é quando o que a vidente disse anos antes volta a deixar ela louca. 
Nessa nova fase ela vai morar com sua melhor amiga e acaba conhecendo dois caras Eric e Karl um deles é o cara certo, na verdade isso fica bem na cara  desde o inicio, mas ela acaba demorando para perceber isso.
"Não acredito nas pessoas, mas, para abalar com minhas convicções, existem os... atos de bondade. (...) Os atos altruístas enfraqueciam as minhas crenças e, por mais que eu resista, insistem em me surpreender."

Denise Crivelli, 27 anos, sul-mato-grossense, formada em Publicidade e estudante de Administração, viciada em livros, doramas e séries.

Facebook

Desapegando

Facebook

Busca

Arquivos

Seguidores

Populares

Tecnologia do Blogger.