Resenha | Belinda & Em - Cammie McGovern :

Título: Belinda & Em
Autora: Cammie McGovern
Páginas: 400
Nota: 5/5
Skoob:  Link
*cedido pela editora
Sinopse: Autora de Amy & Matthew”, Cammie McGovern volta às livrarias contando a história de uma outra dupla.,                                                   desta vez. Emily sempre se orgulhou da sua capacidade de enxergar além das aparências. Copresidente da Coalizão para Ação Jovem da escola, é a primeira a defender os direitos das minorias. Mas, secretamente, Emily ainda é um pouquinho fascinada pelos populares da escola. E nutre um leve rancor quanto a sua inexistente vida amorosa. É justamente enquanto pensa nisso que a garota testemunha uma colega de classe com necessidades especiais, Belinda, ser atacada embaixo das arquibancadas da escola. E não faz nada. Emily e Lucas, outra testemunha passiva do ataque, são obrigados a prestar serviço comunitário em um centro de pessoas como Belinda. Logo os jovens começam a sentir que podem fazer uma diferença real.
Opinião:
Gente  ainda não tinha lido nada da autora, mas gostei muito desse, um história ao mesmo tempo delicada e fofa, além disso o foco principal não é o romance e sim mostra a convivência com pessoas especiais e que precisam de um cuidado maior em relação as outras pessoas.
Emily sempre procurou ajudar outras pessoas, mas falar e fazer são coisas totalmente diferente e percebeu isso quando uma garota com deficiência é atacada e ela acaba ficando sem reação e calada, mas ela não foi a única testemunha já que um dos jogadores, Lucas também viu e não fez nada ele ficou com medo de se prejudicar. Só que isso não significa que são pessoas ruins, eles sabem que cometeram um erro e se sentem culpados por isso. A garota que foi atacada é Belinda, ela teve que criar força para se salvar sem a ajuda de ninguém. Depois desse acontecimento Emily e Belinda vão prestar serviço comunitário em um centro para pessoas com qualquer tipo de deficiência e no caso eles ajudariam na aula de relacionamento desse pessoal.
"Vamos dar a ela uma chance de mostrar ao mundo algo além de sua deficiência. Vamos deixar que todos vejam sua eficiência."
Emily, ela congelou, ficou sem reação e cometeu o maior erro da sua vida até naquele momento e se arrepende disso,  mesmo assim tenta jogar a culpa totalmente no Lucas, já que não tem coragem de assumir isso para os seus amigos, o que ela fez foi errado e sabe disso, ainda mais que acaba conhecendo um lucas totalmente diferente  do que imaginava.  Ela tem uma maneira especial de lidar com o pessoal da turma especial da qual ela faz serviços voluntário e de cara já gostou de um deles. Ela se importa com eles e com a Belinda, ela quer fazer a diferença, mesmo que a falta de reação a levou a conviver com eles. Inclusive ela pesquisa sobre alguma forma de ajudar a Belinda e outros a participarem do clube que quiserem depois da aula, ela foi bem determinada.


Belinda é uma garota especial, ele possui alguma deficiência que não consegui saber qual é , ela tem vinte e um anos, mas é como uma criança, existe muitas coisas que ainda não entende e é uma garota frágil e fácil de se magoar, ela enfrentou um sério problema na escola e isso a afastou por um tempo, mas aos poucos a personagem vai criando coragem de voltar ao seu mundo. Ela é viciada em orgulho e preconceito e já assistiu várias vezes, além de adorar atuar, mas nunca deram essa chance para ela no colégio. Uma personagem delicada, gostei dela, mas confesso que algumas atitudes dela que percebi não eram pela doença e sim ela era um pouco mimada e por incrível que parece ela sabia disso e até pensou a respeito disso, pois as vezes ela queria que as coisas fossem de seu jeito. Ela era muito protegida pela família, o que fez a garota ficar meio distante do mundo,  sim eles sabem que a vida dela não vai ser fácil, mas existem situações que ela deveria enfrentar, porque ela não vai ter sua avó e mãe para sempre, a mãe dela entendia isso , mas sua avó queria coloca-lá em uma caixinha. Na minha percepção Belinda evolui  no decorrer da história, inclusive aceitando a aproximação de Anthony e criando coragem para falar sobre o que aconteceu, mas as coisas vão acontecendo aos poucos conforme ela vai se sentindo preparada.
Lucas é um jogador de futebol americano é daquele personagens que as aparências enganam, ele anda como o grupinho de jogadores e lideres de torcidas e naturalmente as pessoas pensam que ele é burro, que tira sarro de quem é diferente e grosso, mas ele é totalmente o oposto, ele é fofo, paciente, tímido e me conquistou com o seu bom coração e o pessoal do centro também adora ele. Além disso tem ele falando o que aconteceu nos momentos antes do ataque da Belinda e fiquei morrendo de raiva dos amigos deles. Ele assim como a Emily teve um momento de fraqueza o dele misturado com um pouco de medo de estar sendo testado, mas ele é humano e comete erros e não se sente bem por isso então tenta se redimir.

Em nenhum momento Lucas e Emily se mostraram insatisfeito com o serviço comentário e com as pessoas da sala, eles aceitaram e ajudaram com o coração, conheceram ótimas pessoas que são diferente deles, mas especiais e ainda tem Belinda uma jovem que ainda está aprendo lidar com pessoas e situações que não entende, mas que tem sonhos como atuar.  Belinda também foi uma guerreira e lutou pare se salvar. A história me conquistou pela sua simplicidade na forma que foi escrita, pois é um assunto sério o mundo apreender a conviver com pessoas diferentes e que mesmo assim tem sua leveza. Queria contar muitas outras coisas na história, como os personagens  vão aprendendo e se esforçando. Penso que a resenha não ficou tão boa como merecia, mas vale a pena ler e se encantar com personagens como Emily, Belinda, Lucas, Anthony e com alguns dos participantes do centro que os personagens frequentam.

Ela disse: "NÃO PODE FAZER ISSO! NÃO PODE SIMPLESMENTE SAIR ABRAÇANDO AS PESSOAS ASSIM!" Foi a primeira vez que soube que existem regras em relação a abraços e que as pessoas não devem sair por aí esperando abraços o tempo todo.
"Penso em como as expectativas moldaram a todos nós. Em como Lucas acha que só tem uma chance de entrar na faculdade e em como meus amigos e eu achamos que não temos escolha a não ser entrar na faculdade. Mas...se o mundo não tivesse nenhuma expectativa em relação a você? E se estivéssemos saindo da escola sem nenhuma expectativa?" 


Comentários
12 Comentários

12 comentários :

  1. Oi Denise, tudo bem?
    Ainda não tinha lido nenhuma resenha desse livro, solicitamos para Galera esse livro também, mas quem irá fazer a leitura e resenha dele é a colunista do blog. Pelo que disse realmente parece ser um livro de muitos aprendizados e ensinamentos.
    Beijos

    Divagando Palavras
    www.divagandopalavras.com

    ResponderExcluir
  2. Olá, Denise.
    Esse é o tipo do livro que eu leria se ganhasse pro exemplo, mas comprar acho que não vou. Eu li o outro livro da autora e não gostei tanto quanto achei que ia gostar. E não gosto dessa capa. Acho meio apelativa, para chamar os fãs do outro livro famosos que a capa é igual.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia o livro
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Li o Amy & Matthew e gostei muito, não conhecia este é já fiquei com muita vontade de o ler :)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  5. Olá Denise! Tudo bem?
    Não conhecia o livro ainda, mas parece muito bom! gosto de livros assim que a gente acaba aprendendo coisas com a leitura :)
    beeijo

    https://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá, Denise! Nunca li um livro da autora, mas não por falta de vontade.

    Esse parece ser bem fofinho mesmo, mas não me despertou tanto interesse desde o dia em que o vi. Quem sabe em algum momento...

    Bjão,
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Olá! Tudo bom?
    Não conhecia a autora e muito menos o livro. AHAHA
    Ele não me chamou muito a atenção, mas gostei da sua resenha.
    Beijos
    5 O'clock Tea

    ResponderExcluir
  8. Oi, Dê!
    Menina, esse livro está na lista de leitura tem uma vida justamente por causa dessa abordagem da autora. Nunca li nada dela, mas esse livro é bem elogiado.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe das promoções em andamento e ganhe prêmios maravilhosos

    ResponderExcluir
  9. Oi, Denise!!
    Eu ainda não li nada da autora, não por falta de vontade, mas por falta de tempo mesmo, são tantos autores bons que chamam a nossa atenção. Já tinha visto a capa desse livro, mas não sabia que era dela.
    Gostei muito da resenha, vou guardar a dica!

    Beijos,
    Juh
    Um minuto, um livro

    ResponderExcluir
  10. Oi Denise,
    Não conhecia o livro, mas pela sua resenha ele parece ser marcante e com bons ensinamentos. Se surgir uma oportunidade vou querer conferir sua trama.

    *bye*
    Marla Almeida
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. OOi, já conhecia o livro, mas ainda não consegui ler. Adorei a resenha, o enredo dele é bem chamativo, sem duvidas vou ler.
    Beijos boa semana
    bellapagina.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Denise Crivelli, 27 anos, sul-mato-grossense, formada em Publicidade e estudante de Administração, viciada em livros, doramas e séries.

Facebook

Facebook

Busca

Arquivos

Seguidores

Populares

Tecnologia do Blogger.