3 de abril de 2017

Resenha | As Coisas que Perdemos - Denise Flaibam:

Título: As Coisas que Perdemos
Autora: Denise Flaibam
Páginas: 328

Sinopse:  O mundo acabou como uma tempestade. Primeiro houve o caos, e então o silêncio. A Morte se espalhou pelas ruas de todo o mundo. Morte, porque ela tomou a humanidade para si. O silêncio do fim foi substituído por uma orquestra de sons grotescos, pelo arrastar lento e caótico de corpos moribundos; pelos sons do medo. O que antes regia a sociedade não existe mais. Tudo foi deixado para trás. Viva ou morra. Lute ou morra. Mate ou morra. Dylan ouviu falar sobre um lugar seguro. Lá, ela e Max podem ter uma nova chance. O garotinho de quem ainda está cuidando, mesmo quando tudo acabou, é o seu gatilho para seguir em frente. Se não existe esperança, para que lutar? As fronteiras artificias que marcam o fim do mundo trilham perigos e incertezas para aqueles que escolheram viver, e uma assustadora pergunta passará a comandar todos os movimentos dos que ainda resistem: até onde você irá para sobreviver?
Opinião:
Mais um livro da autora Denise Flaibam concluído, mais uma leitura Nacional que valeu a pena. Em As coisas que perdemos os personagens estão enfrentando um vírus que transforma pessoas em zumbis,  cidades foram transformadas em quarentenas separando as pessoas saudáveis das que estão em risco. A situação já não estava boa para as pessoas e para piorar as quarentenas deixam de existir, agora é cada um por sí ou andarem em grupos para tentarem sobreviver a essa terrível situação. 
E um dos vários personagens que conhecemos é Dylan uma jovem de 18 anos que tenta sobreviver junto com Max um garotinho que ela era babá e que estavam juntos quando tudo aconteceu e tentam sobreviver nesse mundo destruído, por sorte eles acabam encontrando um grupo e até pensam que está tudo tranquilo até o novo ambiente seguro desmoronar novamente.

"Max nunca, nunca, desde que ela o conhecia por gente, havia deixado outra pessoa que não ele usar aquela máscara. E ali estava o menino, estendendo-lhe seu símbolo de destemor para que Dylan o pegasse."



Gente eu adorei essa leitura, mas um AVISO não se apeguem aos personagens, to sofrendo até agora por uma das mortes que aconteceu, já que gostava dos personagens, apesar desse conselho não evito a me apegar a mais três personagens e já shippo dois deles juntos mesmo sem saber se vai ter algum romance, mas fica dificil não shippar e vocês vão entender o que eu to falando se lerem, o que recomendo. 
Nessa história fica dificil não lembrar um pouco de The Walking Dead, até porque retratam o mesmo gênero, mas não é uma copia e podemos conhecer personagens diferentes, no começo não conseguimos conhecer cada personagem melhor, mas conforme o grupo for diminuindo temos um aprofundamento maior nos personagens, eles estão abalados pelas perdas e pela situação que se encontram e precisam lutar pela sobrevivência a procura de comida e de um lugar seguro longe dos zumbis.
As mulheres ocupam papeis bem importante nessa história e desde o começo vimos que elas não são nada frágeis, como a líder Beatriz que não descansa e se preocupa com os sobreviventes e que mesmo tendo a chance de ser odiado pelos outros faz o que é certo. A mexicana Iris que é uma mulher de fibra e tem muita coragem e encontra na bebida um alivio daquelas situações, uma das minhas personagens preferidas e coitada passou por uma situação muito triste lá pro final da história, Dylan a garota nova no grupo que mesmo parecendo frágil conseguiu sobreviver cuidando do Max.
Ainda temos um médico e o enfermeiro Taylor que se torna um bom amigo do Dylan e ele mesmo sendo jovem é mais forte do que o médico porque sabe que precisa ajudar os outros. Max é uma criança inocente e assustada no meio disso tudo e que se tornou querido por todos. E os irmãos Clark e Benji com suas caras de maus, mas que são um ótimo apoio ao grupo e antes de tudo acontecer já fizeram muta coisa errada. Tem muitos outros personagens, mas é que não lembro o nome de todos .

"Dylan havia feito uma promessa àquele garotinho e a cumpriria até que aquele mundo acabasse de vez."
O mundo que conhecemos não existe mais, mas a autora trouxe em sua história um pouco de esperança para os personagens, quem sabe eles consigam viver em Paz, 
Bom como eu disse no começo gostei muito na história e quando não estava lendo, acabava pensando na história e morrendo de vontade de voltar para a leitura e olha que faz um tempinho que isso não acontecia. Esse é o primeiro de uma duologia e eu preciso muito do segundo livro que não sei quando ela vai lançar o e-book. E ele merecia ser impresso.
Falei e Falei e não passei tudo o que senti ao ler o livro, mas também é até bom para não dar spoiler.

"O apocalipse podia ter acontecido, mas o mundo ainda era o mesmo. Viver ou sobreviver, tudo doía demais."



Comentários
12 Comentários

12 comentários:

  1. Como assim esse livro é em e-book? Preciso lê-lo e não posso ler em e-book. Meu Deus, que resenha maravilhosa e como esse livro parece ser tão maravilhoso assim! Acho que é a primeira vez que me interesso por um livro desse gênero. A representação da mulher parece ser perfeita neste livro, sem contar que o Max deve ser lindo e fofo (isso porque ainda nem li). Sobre sofrer por personagens, meu coração tem tendencia a gostar do que vai fazê-lo sofrer... então, com certeza irei amar o livro.
    Me diga se ela não tem previsão para lança-lo em versão física, por favor?
    Amei a resenha!
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  2. Oi Denise! Tudo bom, flor? <3
    Ahhh estava muito ansiosa pra ver sua opinião sobre ACQP, que bom que a leitura agradou tanto assim :')
    Eu fui um pouco/muito cruel com os personagens dessa história, admito. Cada uma das mortes me doeu muito escrever, mas é legal saber que emocionaram assim, significa que eu escrevi bem todos os personagens! <3
    Sua resenha ficou maravilhosa, muito obrigada pela leitura! Programei pra sair lá na página na quarta-feira <3 <3

    Beijos,
    Denise Flaibam.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Denise!
    Mirmã, o medo já bateu nessa de não se apegar aos personagens. Sempre me apego e sofro horrores.
    Acho que nunca li nada de zumbi e creio que esse livro é uma ótima pedida.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do #Sorteio1KSeguidores

    ResponderExcluir
  4. Oi Denise,

    Já tinha ouvido falar do livro e tinha achado a premissa muito interessante.
    Depois da sua resenha fiquei ainda mais curiosa com a história.
    Já vai para a lista.

    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Denise
    Pela sua resenha pude perceber que vc realmente gostou do livro e isso me deixou curiosa, faz tempo tbm que eu não leio algo que me prenda. Fiquei com vontade de ler.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Denise.
    Muito bom quando a gente consegue se conectar assim a uma história! Eu não curto muito o tema, nem mesmo acompanho a série mencionada, mas gostei da premissa deste e acho que minha filha vai gostar deste livro. Vou aguardar a autora lançar o próximo pra não ficar na angústia da espera. Ótima resenha.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Denise, tudo bem?
    Não conhecia a autora e nem o livro,
    mas já assistir um filme com uma temática ou melhor dizendo história bem parecida
    e sobre a série eu conheço mas não acompanho acho que só um dia que tava passando na Tv mas nada mais.
    Sempre que você poder dá uma passadinha lá no meu blog,
    que eu passo aqui!
    Beijos ^_^
    Desvendando Segredos | Facebook

    ResponderExcluir
  8. Oi, Denise.
    Gosto bastante de livros e séries do gênero. Fiquei bastante curiosa com essa obra.
    Vou adicionar a minha lista e tentar não me apegar aos personagens quando ler, haha.
    Adorei a resenha

    Beijos
    https://construindoestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá, Denise.
    Estou lendo esse livro no momento e estou amando. Só na primeira parte do livro já fiquei desolada com o tanto de gente que morreu hehe. A Denise é fantástica.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  10. É tão bom ver nacionais incríveis com histórias diferentes por esse Brasil. Nunca tinha ouvido falar desse livro, a história me chamou a atenção :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  11. Ai que legal Denise, tenho vontade de ler um dos livros dela!
    Esse parece msm ter essa vibe TWD. Gostei de ler sua opinião.
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Adorei a sua indicação,estou com o e-book do livro e é um dos próximos que vou pegar pra lê, ainda mais tendo zumbis <3 haha

    https://mysecretworldbells.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir