15 de novembro de 2016

Dica Autor | Juliana Daglio:

Hey pessoal, prontos para mais uma dica? bom acho que essa autor muitos já conhecem só que eu gosto da escrita e dos livros então vale indicar aqui, fora  que eu queria postar hoje, mas nem sabia o que postar.

Eu tive um primeiro contato com a autora no inicio de 2015 através de uma parceria, ela ainda não tinha nem assinada com uma editora, agora ela jé tem quatro livros publicados e eu já li três deles, gosto da escrita da autora e além disso ela é atenciosa.

Verônica é uma garota problemática marcada por um passado traumático do qual mal se lembra, mas que lhe tirou o direito à total sanidade.Ao se mudar para o interior, depois de passar no vestibular, ela se depara com o local perfeito para se inspirar e, finalmente, transformar seus personagens imaginários em um livro. Lagoana é uma cidade nebulosa, úmida, habitada por almas quietas e pouco amigáveis. Porém, o clima obscuro não despertará somente a criatividade, mas também acordará seus fantasmas mais profundos. Prestes a perder o controle sobre sua trama e sua mente, Verônica conhece um estrangeiro de sorriso cafajeste e olhos azuis e, desconfiada de suas intenções, ela guarda segredo quanto ao seu livro, mas não sabe que Liam também tem os seus. Verônica nem desconfia, mas eles podem ser a chave para os mistérios que a rondaram durante toda sua vida. Assim, o lago negro de sua imaginação será, definitivamente, o estopim para toda sua loucura emergir. O que será que ele esconde no fundo de suas águas escuras?
A protagonista desse livro Verônica é uma escritora e ela é cheio de problemas, vai para uma pequena cidade por causa de um antigo amigo de seu pai,  lá ela conhece uma família estranha e cheia de segredos, a garota também consegue terminar o livro onde o passado a confronta.

Era uma comum primavera numa fazenda qualquer, mas um encontro inusitado aconteceu: a Menina e a Libélula se viram pela primeira vez. Assombrada por um medo irracional da Morte, a Menina é marcada por esse encontro para o resto de sua vida. Compõe então uma canção em seu piano, homenageando a misteriosa libélula.Os anos se passaram, Vanessa vivia em Londres e tinha a vida cercada por seu iminente sucesso como pianista, porém, algo aconteceu, mudando seu destino: Uma doença, uma viagem e um reencontro. Vanessa precisará encarar fantasmas que sequer lembrava um dia terem assombrado sua vida, tendo de relembrar a morte do irmão e reviver seu conflito com a mãe. E mais importante e mortal, conhecer a grande antagonista de sua vida, a quem chama de Vilã Cinzenta. De Londres a São Paulo, dos Palcos aos Lagos. “Uma canção para a Libélula” é a história de uma alma perdida e de sua busca por quebrar o casulo de sua existência, para só então compreender o sentido da própria vida. Este livro é um profundo mergulho em uma mente nebulosa, permeada por lagos obscuros e pela inusitada morte; não havendo sequer esperanças.
Nessa história a protagonista é super talentosa, mas começa a passar por problemas quando precisa voltar ao Brasil e se deparar com a sua mãe, ela é uma personagem frágil que sofre pelo desprezo de sua mãe quando mais nova, ela começa a dar sinais de uma doença que ninguém repara, mas que a destrói por dentro.

Autora:

Juliana Daglio, Vinte e poucos anos, Psicóloga Clínica, apaixonada por Psicanálise, viciada em Livros e amante do Rock Britânico. Desde criança foi vidrada em faz de conta e inventava inúmeros personagens para conversar. Assistia a filmes sobre vampiros já aos seis anos, mesmo que tivesse que se esconder atrás do sofá. Na adolescência, dizia que iria ser uma Libélula. Hoje em dia se diz uma adulta confusa, que ainda adora vampiros, não ganhou asas de libélula, mas escreveu um livro sobre elas, transformando seus personagens inventados em pessoas reais, embora sejam feitas de tinta e papel.


Comentários
8 Comentários

8 comentários:

  1. Oi, Denise!
    A Juliana é bem falada e querida pelos blogueiros. Ainda não tive oportunidade de ler seus livros, mas logo logo isso muda.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção seis anos de Caverna Literária

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bom? Eu sou louca para ler O lago negro, acho essa capa tão linda e cativante, mas ainda não tive oportunidade de lê-lo, espero mudar isso em breve *_* Adorei sua dica ^^

    Beijos
    https://resenhaatual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Denise.
    Já li resenhas bem positivas a respeito da Juliana, mas ainda não tive oportunidade de ler nada, mas já anotei a dica.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
  4. Já namorei várias vezes esses livros mas nunca li nenhum dos dois. Tenho muita vontade pois parecem ser ótimos e ter uma grande aventura :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Dê, tudo bem?

    Eu ainda não li nada da autora, mas eu adoro suas dicas de nacionais! O lago negro tem uma ótima premissa e uma capa belíssima!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Oi, Denise

    Eu conheço a Juliana através das redes sociais e das resenhas. Eu tenho curiosidade de ler ambos, só falta oportunidade mesmo.

    Beijo
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Denise, sua linda, tudo bem?
    Também conheci a autora na época em que ela não tinha editora. Seu trabalho é muito elogiado, ainda não tive a oportunidade de ler seus livros, mas estou louca principalmente por Uma canção para a libélula.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Denise, tudo bem?
    Eu já conheço a autora e seus livros das redes sociais, mas li poucas resenhas sobre seus livros. As capas são lindas e as sinopses instigam a leitura. Assim que puder vou ler um de seus livros.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir