19 de julho de 2016

[Resenha] Panlásia - Janaina Alves:

Título:  Panlásia
Autora: Janaina Alves
Páginas: 311
Ano: 2015
Skoob: Link

Sinopse: Um Reino onde nada é o que parece ser. Onde a paz foi conquistada à base de medo e muito sofrimento. Um lugar em que a harmonia não passa de fachada para esconder aqueles que realmente sofrem. Habitantes punidos por descenderem daqueles que foram considerados os vilões de uma guerra em que paz nunca foi o verdadeiro prêmio. Uma história em que o desentendimento de duas irmãs resulta na morte daquele que sustentava a ludibriosa paz, o grande Rei de todo um Reino. A filha mais velha é responsável pela morte do pai, com a intenção de se vingar da irmã, aquela que um dia lhe tirou o que lhe era mais precioso. Agora, ela precisa do poder da Coroa, o único capaz de trazer novamente à sua vida aquilo que mais ama. A filha mais nova, após ser acusada da morte do próprio pai, é banida do Reino, jogada sem remorsos na Cidade da Traição, lar daqueles que cometeram os maiores crimes contra a Coroa. Lugar conhecido por punir com a tortura eterna esses traidores. Quando as máscaras começam a cair, a verdade é finalmente revelada. Um ódio descomunal entre duas irmãs, nascido de uma relação repleta de amor. Um lugar de traições e torturas revela-se o único lugar onde uma princesa pode descobrir o que é o amor, o que é ser parte de uma família. Entre estranhos é que ela encontra dentro de si a força para fazer o que é certo, para tirar a Coroa daquela que um dia tanto amou, mas que a puniu além do que qualquer pessoa mereceria.

Opinião:
Um reino e duas princesas Sara é a mais nova e Lavínia a mais velha e por isso acreditam que ela será a filha que assumira o trono, mas o Rei tem outros planos e eles não envolvem Lavínia a filha revoltada e que odeia a irmã com todas as forças e ela é capaz de destruir a família sem nenhum arrependimento. O reino de Panlásia parecia ser perfeito, mas os poderosos escondiam muitos segredos, inclusive a respeito da cidade da Traição.
Lavínia a filha mais velha é a mais revoltada, não gosta da irmã e a culpa por algo que aconteceu no passado, a raiva só aumenta porque o rei dirige toda a sua atenção para Sara a filha mais nova e a que todos adoram. Ela quer ser a rainha porque precisa do poder para alcançar  o que deseja e busca no seu guarda e fiel escudeiro Diogo uma forma de conseguir o que quer, ela aproveita que ele é apaixonado por ela para conseguir o que quer. Essa foi uma personagem que me irritou muito, porque fiquei encabulado com o que ela foi capaz de fazer com a sua família, pra mim o que ela sentia era apenas obsessão, já que pelas suas atitudes ela parecia não ser capaz de ter sentimentos.  Ela se tornou até uma personagem irritante. 
“Era assustador esse pensamento, mas, depois de tudo, ela se sentia feliz por ter sido banida. A pessoa que ela era hoje, era muito mais forte do que a menininha assustada que havia sido enviada para a Cidade da Traição” 

 Sara é uma garota que nasceu para reinar, ela é compreensível e tem um bom coração, só que por conta das armações de sua irmã ela acaba sendo banida de Panlásia para a cidade da traição e ao chegar ela descobre que é um lugar totalmente diferente, onde se tem muita pobreza e areia para todo lado, fora que as pessoas eram totalmente diferentes do que ela esperava, são pessoas que cresceram em um lugar assim por conta dos Pais e que não tiveram a chance de viver em um lugar melhor. 

Nesse novo lugar ela é salva e conhece a família de Laura que vive em uma pequena casa com os seu marido e seus dois filhos. Um dos filhos de Laura é Daniel que acaba até se tornando próximo de Sara e eles juntos com a população acaba retornando para Panlásia, um lugar onde é preciso enfrentar outros desafios. Sara é uma garota amigável e feliz, sempre estava sorrindo e é uma personagem que aparenta ser fraca, só que teve que se mostrar forte para lidar com o peso que tinha nos ombros.
Daniel é um personagem apaixonante e que quer o melhor para a sua família, além de ser leal assim como Diogo, mas cada um é leal de uma forma sendo positiva ou negativa.

Panlásia é um livro que fala sobre poder, lealdade, força e até amizade, Uma história que o poder pode destruir uma família e a cede de vingança e amor pode mudar uma pessoa.  Eu gostei da história do livro, ainda temos alguns mistérios a respeito do que aconteceu no passado entre as irmãs, isso inclusive foi o que motivou a obsessão de Lavínia. Apesar de ter gosta da história  confesso que teve algumas partes que a leitura não fluía, mais acho que era pelo ritmo que a leitura tinha, algumas partes cheias de acontecimentos e outros um pouco mais paradas só que por conta disso acabei demorando um pouco para terminar a leitura já que não conseguia focar totalmente nela, mas a leitura vale a pena ainda mais por ser um livro Nacional. 
Sobre a edição a capa está bonita e representa bem a história, além disso o livro tem páginas brancas, mas uma fonte de um tamanho bom para a leitura, é possível ver todo cuidado que a autora teve com a edição de seu livro.

"Todos estavam voltando para um lar que os havia rejeitado, e agora eles iriam lhes impor a sua vontade."


Visite o site oficial para conferir a sinopse, um trecho e o book trailer do livro: http://www.janainaalves.com.br/panlasia.html
Livro Digital / Amazon: http://goo.gl/TzwFlq
Livro Físico / Clube de Autores: https://goo.gl/9ojMm5 


Comentários
10 Comentários

10 comentários:

  1. Olá Denise, tudo bem ?
    Eu não conhecia o livro, mas achei bem interessante. A irmã mais velha e revoltada, deve ser uma personagem bem complexa né?! Afinal, acabam sempre sendo intensas.
    Beijos
    www.estilogisele.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Denise. Interessante o livro, não o conhecia. Você expôs o enredo de forma muito clara, mostrando-nos o que encontrar ao lê-lo. Muito boa a sua resenha, aliás você resenha muito bem Denise. Parabéns. Forte abraço!

    Marcas literarias
    leootaciano.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Não conhecia o livro, mas gostei de conhecer. Parece ser uma boa estória, ainda mais com esses negócios de princesas e tal. Adorei a resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  4. Adoreeeeeei, meu deus preciso comprar pra ontem esse livro <3 adorei a história e adoro livros de época.

    http://www.donab.net/

    ResponderExcluir
  5. Gosto bastante de livros que contam com reinado e histórias de época, mas sem dúvidas a Lavinia também me irritaria bastante, e deve ter sido a intenção da autora, mas as vezes pode até incomodar na hora de ler né haha

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Denise,
    Se tem reinos, coroas e essas coisas na leitura, eu vou ler!
    Tenho uma queda enorme por histórias mais clássicas assim, sabe? Não conhecia essa obra, mas já me interessei.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Denise!
    Eu senti um quê de novela mexicana nessa premissa, mas ainda assim eu fiquei interessada porque amo histórias desse tipo.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  8. Oie,
    não conhecia o livro, mas já gostei pela capa.
    Gostei bastante da resenha, mesmo com as partes paradas acho que iria gostar da história.
    Vai para a lista

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, Denise..
    Confesso que não é um livro que me cativou. E o fato dele seguir horas cheio de acontecimentos e outras sem nada me desanimou.
    Um beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
  10. Nunca li o livro e nem tinha visto nada sobre, mas esse resenha me fez querer ler <3
    Parabéns pelo blog, já estou seguindo para poder acompanhar as novidades

    www.papomoleca.com.br

    ResponderExcluir