29 de abril de 2016

[Resenha] Entre a Ruína e a Paixão (Clube dos Canalhas #3):

Título:Entre a Ruína e a Paixão
Autora: Sarah Maclean
Páginas: 304
Skoob: Link

Sinopse: Uma noiva desaparecida na véspera de seu casamento. Um poderoso duque acusado de assassinato. Uma noite que mudou duas vidas para sempre. Temple viu seu mundo desmoronar quando acordou completamente nu e desmemoriado em uma cama repleta de sangue. Destituído de seu título e acusado de assassinato, o jovem duque foi banido da sociedade. Doze anos depois, recuperado em sua fortuna e seu poder como um dos sócios do cassino mais famoso de Londres, sua redenção surge quando a única pessoa que poderia provar sua inocência ressurge do mundo dos mortos. Após doze anos desaparecida, Mara Lowe se vê obrigada a reaparecer quando seu irmão perde toda a fortuna da família nas mesas do cassino do homem cuja vida ela arruinou. Temple quer provar a todos que é inocente e, sobretudo, se vingar e destruir a vida daquela mulher, enquanto Mara precisa enfrentar o passado para recuperar seu dinheiro.
Opinião:
E aqui estou com mais uma resenha do Clube dos Canalhas e o membro sócio do clube da vez é o Temple, o lutador do clube e que também é considerado invencível e com um passado obscuro e pode se dizer que a fama dele dentre os seus amigos é o pior, pois Temple é chamado de o duque assassino, por conta de acontecimentos que ocorreram 12 anos atrás. Ele foi considerado culpado pela morte de uma jovem que ele conheceu e coincidentemente era a noiva de seu pai e olha que a garota só tinha 16 anos e talvez por ser nova demais e por ter sofrido muito nas mãos de seu Pai e o que motiva Mara Lowe desaparecer da sociedade, a final ela foi considerada morta, mesmo sem ter um corpo e o duque acabou levando a culpa por um crime que não cometeu, até porque a vitima está muito viva, só que ele não sabe disso ( não é spoiler, tem na sinopse).
Bom por conta desse "crime"  William (Temple) viu a sua vida desmoronar, as pessoas queriam ficar longe dele e passaram a olhar torto, ele abandonou sua herança, a família e foi viver nas ruas onde passou a lutar para ganhar a vida, tantos anos sendo acusado e agora ele tem a chance de se ver livre dessas mentiras, pois Mara Lowe aparece para ele e com uma proposta de se revelar para a sociedade se ele perdoar a divida de seu irmão.

"Ela era a mulher mais chocante, irritante e difícil que ele conhecia. Ela o fazia ter vontade de revirar toda a mobília de veludo daquele lugar completamente feminino e arrancar as roupas do próprio corpo de tanta irritação."

 Eu estou adorando esses livros, pena que agora falta um para o final e eu vou demorar para ler o último (chora), mais uma vez a Sarah criou uma história envolvente e nesse temos dois personagens que aprenderam a viver nas sombras, Temple apesar da forma que ficou conhecido, conseguiu se reerguer e ganhar muito dinheiro e  ainda conseguiu pessoas que se importassem com ele, agora a Mara fugiu e vive em uma situação precária e ela gerência um orfanato para meninos utilizando um outro nome e esses garotos mais a sua porca são tudo para ele e todas as atitudes que ela tomou nesse livro foi pensando no bem estar das crianças, afinal ela precisava de dinheiro para manter o lar das crianças funcionando.
Temple é um homem grande e forte, além disso não foge de uma briga em um primeiro momento ele parece não ter coração, mas não se enganem e ele acaba se afeiçoando aos garotos do lar e até a porca, fora que ele enfrenta em uma batalha interna, pois ele quer a Mara Lowe e tenta se convencer que não a deseja, até porque ele pretende se vingar dela pelo que aconteceu no passado, penso que o Temple dentre os 3 primeiros livros que li do Clube dos Canalhas é o mais quebrado em relação aos seus sentimentos e pode se dizer que fisicamente também, gostei dos personagens só que ele me deixou com muita raiva pelas suas atitudes e pela forma que tratava Mara Lowe como uma qualquer, mesmo que internamente ele sabia que aquilo era errado.
Mara Lowe é uma mulher bem destemida e corajosa  e como Temple viveu nas sombras, ela fugiu e abriu mão do luxo para se esconder e ela aprendeu a viver sozinha, mas foi escolha dela e passou muitos anos se dedicando ao Lar de garotos na qual é diretora e ela ama muito eles, só que seu irmão se mete em problemas e ela resolve ajudar e por isso o destino a leva para Temple, um homem na qual ela já tinha sentido atração antes de fugir por 12 anos e ele agora está diferente e ela é obrigada a fazer tudo que ele manda, mas cobra já que precisa de dinheiro para o lar, gostei muito da personagem, pois é cheia de personalidade e apesar de ter medo do perigo encara ele com a cabeça erguida, sabendo que tem que lidar com as consequências.
"(...) Tão criminosa quanto o arrepio de prazer que Mara sentiu ao roçar nele enquanto entrava na sala de costura da loja, incapaz de evitar o contato com ele, que era grande como um touro. Não que ela tivesse reparado."
Como eu li poucos livros desse gênero então acho a história diferente dos que eu já li até agora, fora que autora da personalidade muito forte e diferentes para as mulheres da época, realmente indico não só do livro mais os anteriores dessa série, falando nisso os personagens dos anteriores até aparece nesse livro, mas bem pouco e até conhecemos a história de como Temple e  Bourne se tornaram amigos.

Livros - Clube dos Canalhas:
Entre o amor e a vingança
Entre a culpa e o desejo
Entre a ruína e a paixão
Nunca julgue uma dama pela aparência

Comentários
11 Comentários

11 comentários:

  1. Apesar de não gostar tanto de livros do gênero, essa personalidade forte dos protagonistas me chama a atenção. Parece ser o tipo de obra que prende pelo bom desenvolvimento.
    Ótima dica.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de abril. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Denise!

    UAU, adoreiiii isso aí, hein! Que bizarro esse negócio da mulher voltar! Achei o enredo bastante original pro gênero. Venho lendo diversos romances de época e esse aí tem uma pegada mais obscura! Curti mesmo!

    Te indiquei pra uma TAG *----*

    Beijo
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  3. Oii,

    Amei o estilo do livro e sua opinião critica!

    Abraços...

    http://blogmichaelvasconcelos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Denise! Desse estilo só li dois livros da Julia Quinn e amei, mesmo sendo bastante clichê e previsível. Não fiquei muito curiosa sobre essa série, mas tenho visto comentários bem positivos sobre ela. Beijos!

    http://frases-perdidas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá, Denise.
    Essas capas dessa série são demais de lindas. Que bom que gostou desse também. Assim que der eu vou ler algo da autora. Eu já li bastante do gênero e isso das personalidades das mulheres geralmente é um clichê hehe

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Oi Denise,
    Adorei muito o enredo como esse é o terceiro vou procurar saber mais do primeiro.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  7. Oi Denise!
    Ainda não li nenhum livro da série, mas todos parecem ser ótimos!
    Adoro romances assim <3

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  8. Oie Denise =)

    Estou bastante curiosa para ler essa série da Sarah, pois leio sempre boas resenhas dos livros. Porém, como a minha primeira experiência com a autora não foi muito positiva, vou com menos sede ao pote para não me decepcionar.

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  9. Oi Denise,
    Eu só li o livro 1 dessa série da Sarah e gostei bastante.
    Quero comprar todos os outros *-*
    Amo um romance de época, rs.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi, Denise!
    Fazia muito tempo que eu não lia romances de época, mas voltei com esse hábito. As histórias são lindas.
    Essa série é a próxima que vou começar.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  11. Eu acabei de ler o primeiro livro da Sarah e ai caiu nessa resenha! Nossa!!! Fiquei aqui ansiosa para pegar todos os livros do Clube dos Canalhas e mergulhar nas histórias sensuais da Sarah!

    Pandora
    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir