27 de fevereiro de 2015

[Resenha] Despedaçada:

Título: Despedaçada
Autora: Teri Terry
Páginas: 400
Livro: #3
Editora: Farol Literário 
Skoob: Link
Onde Comprar: Link

Sinopse: Despedaçada - Kyla foi Reiniciada: sua memória foi apagada pelo Opressivo governo dos Lordeiros. Mas, quando lembranças proibidas de um passado violento começam a aparecer, surgem também dúvidas: ela pode confiar naqueles que passou a amar, como Ben? As autoridades querem a morte de Kyla. Com a ajuda de amigos no DEA, ela vai a fundo, sondando seu passado e fugindo. A verdade que ela busca desesperadamente, no entanto, é mais surpreendente do que ela poderia imaginar. Ao final do terceiro volume desta aclamada série, os mais profundos e imprevisíveis segredos serão revelados

 Opinião:
E aqui estou com a resenha do último livro da trilogia escrita pela Teri Terry. Em despedaçada temos a conclusão da história de Kyla e posso dizer que me surpreendi com ele, pois algumas coisas tomaram rumos inesperados e que nem eu imaginava.
Klya está indo a encontro de sua mãe, mas com uma nova identidade e cabelos de cor diferente e tudo isso graças ao Aiden, agora Kyla se chama Riley Kain tentando não ser descoberta pelos seus inimigos. Ao chegar em uma nova cidade Kyla fica em um lar para garotas que sua mãe gerencia, lá ela começa a se lembrar um pouco de sua infância e ainda descobre alguns segredos e volta a questionar afinal quem é ela?. Ela conhece algumas pessoas novas como a Madison que poucos dias depois é levada pelos lodeiros e logo após esse desaparecimento o seu disfarce cai e ela volta a ser perseguida tendo que fugir de novo para encontrar o Aiden. Novo novo esconderijo ela  encontra Ben que está tentando mudar, mais algum tempo depois ele acaba causando um massacre, onde muitos inocentes morrem.  E olha que me surpreendi com o Ben, deixou totalmente de ser aquele garoto meigo e preocupado do primeiro livro.

"Meu medo foi substituído pelo embaraço, seguido pela raiva. Raiva de mim mesma. Eu me afasto. Como pude ser tão fraca e deixá-los se aproximar de mim desse jeito."

Kyla agora têm mais um nome e ainda descobre que foi adotada quando bebê, se tornando novamente uma desconhecida. Ela nem imaginava que seu destino estava traçado desde que ela nasceu por Astrid e que ela sempre foi uma "arma", além disso se adotada pela família de Sandra Davis depois de reiniciada não foi coincidência  e tudo isso está relacionado com o passado desses personagens. Astrid é uma lordeira e mãe de Stella que cuidou de Lucy dese bebê.

A garota se manteve forte, mesmo tendo algumas perdas em sua vida, separações e ainda a descoberta de sua verdadeira família.
Aiden foi um personagem que apareceu muito pouco nos dois primeiros livros, apenas para falar sobre o DEA, mas neste último livro ele ganhou bastante destaque e me conquistou por revelar um sentimento que eu já mais imaginava, porém ele se vê em uma encruzilhada pois Kyla gosta de Ben o que vocês pensam que aconteceu com esse triangulo amoroso?
Stella é uma mulher que sofreu muito com o desaparecimento de sua filha, por isso se preocupava muito com as garotas do abrigo, quando encontrou sua filha não queria perder ela de novo, mas Kyla teve que sumir novamente, mas dessa vez para se proteger. Stella sempre culpou seu marido pelo desaparecimento da filha, mais nunca imaginou outra pessoa próxima.

"Você é verdadeiramente a imagem perfeita de uma espiã princesa demente, sua majestade. Venha, sua carruagem de espionagem de aniversário oficial a aguarda-começamos a caminhar em direção ao lago e aos caiaques."
Esse livro me surpreendeu tomando um rumo diferente dos primeiros livros e isso se tornou algo bom para o livro. A Teri Terry tem uma escrita envolvente e estou curiosa para ler o novo livro dela que a Farol Literário vai publicar chamada Mind Games. Reiniciados também é uma distopia que se encontra criticas a sociedade.
A frase na capa do livro serve muito bem para a personagem e para os leitores " Tudo o que ela pensou saber era mentira."

O livro como os outros da trilogia segue o mesmo padrão de capa que eu acho muito bonito com os olhos verdes marcantes, o livro têm páginas amareladas e letras de um tamanho bom.
Foi muito bom ler esses livros e fugir um pouco das distopias modinhas, gostei da história, mesmo uns não tendo gostado e da escrita da autora.

Resenhas anteriores:

Comentários
11 Comentários

11 comentários:

  1. Olha eu tenho que concordar com você, pois eu também acho as capas desses livros da série maravilhosas. Mas eu ainda não li acredita? Muita gente já disse pra mim ler, pois dizem que eu vou gostar bastante da história, mas por incrivel que pareça acredite, eu ainda não li nenhuma dessas distopias famosas, só li mesmo THE 100 no qual eu vi a série e li depois. Mas espero conhecer essas que estão fazendo a cabeça dos leitores.

    Quanto a sua resenha, apesar de não ter lido os livros anteriores e só ter visto algumas resenhas ali e aqui, eu sinceramente gostei de tudo que você abordou da história, porque eu ainda não tinha lido nada sobre ele. Meus parabéns viu? Eu achei que você aborda muito bem sua resenha. Muito bom mesmo. Você escreve bem e é merecedora disso. PARABÉNS

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/02/resenha-insignia.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Obrigada, fico muito feliz quando as pessoas gostam das resenhas que escrevo.

      Excluir
  2. Ainda não li o primeiro volume e nem o segundo, mas a trilogia está na minha lista *-* Amo distopias! ♥

    Parabéns pela resenha! Adorei saber que você gostou tanto da leitura ^^

    Bjs!

    http://leiturasilenciosaoficial.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Que bacana. Geralmente esses livros que a capa é assim e o título é uma palavra só sao sempre modinhas baratas. Achei interessante essa história. Beijos

    gabigoulart.com

    ResponderExcluir
  4. Acho as capas dessa série ótimas, se não tivesse com uma fila gigantesca de não lidos com certeza daria uma chance. Mas adorei a resenha
    Beijoos,
    Sétima Onda Literária

    ResponderExcluir
  5. Eu amo as capas dessa trilogia. Quero muito ler ela, mas ainda não consegui comprar. Vou esperar alguma promoção legal, dai compro todos juntos.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Eu amei os livros - apesar do final de despedaçada ter me deixado um pouco despedaçada (BEN!!!!) enfim... Eu gostei muito tambem! Alem de fugir das distopias modinhas, a leitura flui tão gostosa... Que nossa!! É um vicio essa série <3
    Um beijo!
    Pâm - www.interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Denise!
    As capas dessa trilogia me chamam a atenção, mas eu não sabia do que se tratava.
    Gosto de distopias e me interessei por essa!
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Tenho bastante curiosidade em ler essa trilogia, espero gostar, as capas são linda e só o fato de ser distopia ja me atrai HAHA.
    Um beijo
    http://leituraforadeserie.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Não li a resenha toda porque não li nenhum dos livros e morro de vontade de ler! Gosto quando o final de uma série é surpreendente, adoro distopias e já quero na minha estante pra ontem! As capas são lindas! (:

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  10. Oi, Denise.
    Concordo com você, as capas dessa série são muito bonitas.
    Infelizmente eu ainda não li nenhum livro da série, mas por todas as resenhas que eu li parece ser uma série muito boa.
    Só não sei se realmente leria porque não sou muito fã de distopias.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir