2 de maio de 2016

[Resenha] As Vantagens de Ser Invisível:

Título: As Vantagens de Ser Invisível
Autor: Stephen Chbosky
Páginas: 224
Skoob: Link


Sinopse: Cartas mais íntimas que um diário, estranhamente únicas, hilárias e devastadoras - são apenas através delas que Charlie compartilha todo o seu mundinho com o leitor. Enveredando pelo universo dos primeiros encontros, dramas familiares, novos amigos, sexo, drogas e daquela música perfeita que nos faz sentir infinito, o roteirista Stephen Chbosky lança luz sobre o amadurecimento no ambiente da escola, um local por vezes opressor e sinônimo de ameaça. Uma leitura que deixa visível os problemas e crises próprios da juventude.


Opinião:
Hey pessoal, fazia muito tempo que queria ler esse livro e comprei ele só agora, sei já leram muitas resenhas desse livro e agora trago minha opinião, mesmo que seja breve.
Mesmo querendo ler esse livro, minhas expectativas não estavam altas e isso foi bom, pois acabei gostando e muito da leitura, até porque a leitura fluiu tão bem e a escrita do autor é tão envolvente que parece que o Charlie está escrevendo as cartas diretamente pra mim, foi uma forma de interação com quem está lendo
 O livro é escrito em forma de cartas e narra o que acontece durante o dia ou semana com o Charlie e é uma forma de desabafo dele, já que o garoto guarda segredos e só escuta as pessoas por considerar isso o certo a se fazer sem dar opiniões e que acaba escrevendo tudo o que sente nas cartas, o leitor pode sentir suas preocupações, medos, ele é um garoto que sensível, mas que muitos acham ele estranho e até a própria família como a irmã trata ele como esquisito.
"Então, acho que somos quem somos por várias razões. E talvez nunca conheçamos a maior parte delas. Mas mesmo que não tenhamos o poder de escolher quem vamos ser, ainda podemos escolher aonde iremos a partir daqui." 
 Ele encontra bons amigos e descobre o que é ter amigos, fazer parte de algo e até por nunca ter tido um ele não sabe o que fazer e pensa que tudo que aceitar e escutar é fazer parte, mas ele tem e teve que aprender que é importante dar  a sua opinião e não somente escutar os outros.
As novas amizades de Charlie são Sam, uma garota bonita e super simpática que acaba se tornando o primeiro amor do garoto e Patrick ele é meio doidinho e é o amigo gay que passa por problemas por conta de um amor, os dois apresentam um novo mundo e novas pessoas para o menino inexperiente. 
Charlie passou por algumas perdas e não teve com quem se abrir e isso refletiu no seu presente e uma hora ele não aguentou e entrou em colapso, mas tinha os amigos e sua família para dar apoio, mesmo estando em uma clinica.
Charlie é um garoto bem inteligente e achei legal a relação dele com o professor Bill que dava muitos livros para ele ler e escrever trabalhos, ele gosta muito de ler livros e lia super rápido também, o professor viu potencial nele e quis trabalhar nisso ajudando o garoto a melhorar cada dia mais.
As vantagens de ser invisível foi uma boa leitura e envolvente, adorei realizar a leitura e enfim ler esse livro, já que só tinha visto o filme e que existe diferença entre eles, mas os dois são bons. Eu realmente indico essa leitura.

"Então, esta é a minha vida. E quero que você saiba que sou feliz e triste ao mesmo tempo, e ainda estou tentando entender como posso ser assim."

Comentários
12 Comentários

12 comentários:

  1. Gostei da resenha, bem estrutura, parabéns.

    Da uma passada no meu blog, tá rolando um mega sorteio ;)

    http://www.vestigiodelivros.com.br/2016/05/sorteio-5-kits-de-livros-5-chances-de_1.html

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto muito desse livro. Acho fofo e sentimental. Li há tanto tempo, MS lembro que gostei mais do filme, acho que foi pelo elenco kkkkk

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
  3. Oi Denise, tudo bem?
    Eu gostei do filme, mas não achei tuuudo isso, sabe? Por isso, nunca fiquei curiosa pra ler o livro. :(
    Beijos,

    Priscilla
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  4. Eu fui ler o livro com muitas expectativas, acredito que seja por isso que não gostei muito dele :(

    www.eucurtoliteratura.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Denise!
    Adorei esse livro! Gostei muito do filme também.

    Beijos,
    Epílogos e Finais

    ResponderExcluir
  6. Acho que justamente por estar esperando demais, acabei me decepcionando. Todos amam tanto esse livro, mas não conseguiu me conquistar da mesma forma :( adorei a resenha!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Amo As Vantagens de Ser Invisível <3 é o um livro que temos que ler sem preconceitos, nos desprender de todos esses obstáculos para que a leitura seja proveitosa. Charlie é maravilhoso.
    Parabéns pela resenha Denise,
    Beijos.

    EuVocê&oslivros

    ResponderExcluir
  8. Oi, Denise

    Eu assisti apenas o filme e não curti muito. É uma história fofa e até triste em alguns momentos, mas que não chamou muito minha atenção.
    Que bom que suas experiências com o filme e com o livro foram boas.

    Beijo
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  9. Oi, Denise!
    Esse livro <3 <3 <3 Ele mexeu demais comigo que eu nunca vou conseguir resenhá-lo.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  10. Oi Denise!

    Parece ser bem fofinha a história. Sempre vejo pessoas comentando dele, mas nunca tinha parado para prestar muita atenção. Sei que também tem o filme e também não vi. Pelo que li na sua resenha o livro mostra alguém sensível e que não se encaixa muito nessa vida em sociedade. Quanto de nós somos assim neh? Me vi um pouco nesse personagem. Acho que vou dar uma chance para essa leitura. :)

    Beijos

    Vivian
    Saleta de Leitura

    ResponderExcluir
  11. Olá, Denise.
    Foi exatamente o que senti ao ler esse livro, que as cartas eram para mim. É um livro que vale a pena por ser bem diferente do monte de coisa igual que vemos ultimamente.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Oi Denise,
    Adorei sua resenha e me incentivou a ler esse livro. Eu vi o fil,e somente, o que não me agradou muito.
    E adoro essas sensação que as cartas são escritas para quem lê, ou até a forma de narrar as histórias. Nos faz sentir parte do livro!

    Beijos !!
    Renatinha
    Entre Aspas

    ResponderExcluir