MÚSICA | PLAYLIST DE NATAL

Hey Pessoal, enfim a época de Natel chegou, penso que esse ano acabou rápido, mas graças a Deus apesar das dificuldades permanecemos com saúde. Bom a Playlist de hoje como perceberam é especial de Natal, mas não consegui achar nenhuma música em Português para colocar aqui, espero que gostem da playlist.

Conto | O Príncipe Congelado - Raigor Ferreira

Título: O Príncipe Congelado
Autor: Raigor Ferreira
Páginas: 9
Nota: 4/5
Skoob: Link

Sinopse:  Nas terras longínquas do Reino de Arvoredo, os habitantes já estavam acostumados com um príncipe fora do tradicional. Phelipe, o herdeiro superestimado do trono tinha uma condição exótica e que fazia os moradores do Reino se perguntarem: “Como alguém pode ser tão gelado?”. A resposta para a pergunta não era simples e esmerada. Na verdade, era muito complexo entender o que tornara a majestade, um homem tão frio e indiferente.

Opinião:
O Príncipe Congelado é um conto rapidinho de se ler com apenas 9 (nove) páginas, fazia tempo que tinha ele no aplicativo do kindle e enrolava para ler, bom a história é sobre um Príncipe que não teve uma infância normal já que seu pai achava que ele precisava treinar desde novo e não se importava com a dor do filho, mas quando o Rei morre acontece algo estranho com o príncipe que é tomado por gelo, incluindo seu coração,  ele tornou-se um príncipe gelado.
Esse conto é gostosinho de ler, e senti uma nostalgia   pois a forma que a história é contada lembrou a época que era criança e lia as histórias de conto de fada,  pois o conto parece justamente aqueles contos de fada, super indico estarem lendo essa história. A escrita é bem envolvente e deixa com um gostinho de quero mais porque a história é legal, porém ela termina de uma forma satisfatória e sem final aberto.
Esse é apenas um breve comentário já que o conto é bem curtinho,  mas precisava comentar dele por aqui.

No lugar de seu coração, uma minúscula pedra de gelo surgiu e todos ficaram estupefatos, inclusive ele próprio.
A princesa de fogo já tinha conhecido várias coisas em sua vida, mas não havia conhecido até aquele momento como era experimentar de um dos sentimentos mais nobres do mundo: o amor. 
Alguém que soubesse o que é se sentir dominado por algo que não se pode controlar. Eu precisava te conhecer, príncipe congelado. 

TOP 5 | Melhores Leituras de 2019 - Parte 01

Hey pessoal, esse tempo de chuva da uma preguiça lascada, no top 5 eu escolhi cinco livros que eu gostei bastante em 2019, não comentarei sobre eles aqui , mas no final ou deixar o link das resenhas que foram feitas, uma dama fora dos padrões eu resenhei só que não consegui achar o link para disponibilizar pra vocês a resenha dele.


💙💙💙💙💙


Sinopse: Sebastian Ballister é o grande e perigoso marquês de Dain, conhecido como lorde Belzebu: um homem com quem nenhuma dama respeitável deseja qualquer tipo de compromisso. Rejeitado pelo pai e humilhado pelos colegas de escola, ele nunca fez sucesso com as mulheres. E, a bem da verdade, está determinado a continuar desfrutando de sua vida depravada e pecadora, livre dos olhares traiçoeiros da conservadora sociedade parisiense. Até que um dia ele conhece Jessica Trent... Acostumado à repulsa das pessoas, Dain fica confuso ao deparar com aquela mulher tão independente e segura de si. Recém-chegada a Paris, sua única intenção é resgatar o irmão Bertie da má influência do arrogante lorde Belzebu. Liberal para sua época, Jessica não se deixa abater por escândalos e pelos tabus impostos pela sociedade muito menos pela ameaça do diabo em pessoa. O que nenhum dos dois poderia imaginar é que esse encontro seria capaz de despertar em Dain sentimentos há muito esquecidos. Tampouco que a inteligência e a virilidade dele pudessem desviar Jessica de seu caminho. Agora, com ambas as reputações na boca dos fofoqueiros e nas mãos dos apostadores, os dois começam um jogo de gato e rato recheado de intrigas, equívocos, armadilhas, paixões e desejos ardentes.

Sinopse: Repetir um movimento várias e várias vezes ajuda a clarear a mente uma lição que Finley aprendeu muito cedo, nas quadras de basquete. Numa cidade comandada pela violência do tráfico e da máfia irlandesa, vestir a camisa 21 e dar o sangue em quadra é sua válvula de escape. Vinte e um também é o número da camisa de Russ, um gênio do basquete. Ou pelo menos era. Recém-chegado à cidade de Bellmont depois de ter a vida virada de cabeça para baixo por uma tragédia, a última coisa que ele quer é pegar de novo numa bola. Russ está confuso, parece negar o que lhe aconteceu e agora se autointitula um alienígena de passagem pela Terra. Finley recebe a missão de ajudá-lo a se recuperar e, para isso, precisará convencê-lo a voltar a jogar, mesmo sob o risco de perder seu lugar como estrela do time. Contra todas as probabilidades, Russ e Finley se tornam amigos e, por mais estranho que pareça, a presença de Russ poderá transformar a vida de Finley completamente. Uma emocionante história sobre esperança, amizade e redenção, com a prosa sensível e inteligente de Matthew Quick.

Resenha | Noivos Por Acaso (Mentiras #1) - Stefanie Alves

Título: Noivos Por Acaso 
Autora: Stefanie Alves
Páginas: 164
Nota:3,3/5
Skoob: Link

Sinopse: Quando Camille reencontra João, seu amor desde os 16 anos, e descobre que ele vai casar, ela não pensa duas vezes: Pega o primeiro homem que aparece na sua frente pelo braço e apresenta para João "esse é meu noivo". Quem em sã consciência faz isso? Só Camille. Impulsiva e desastrada ao mesmo tempo que é doce e romântica, ela tem certeza que nunca mais verá o homem que fingiu ser seu noivo. Até, acidentalmente, bater uma porta em sua testa e descobrir que ele será mais presente em sua vida, do que poderia imaginar.

Opinião:
Camille é uma jovem desastrada que sempre foi apaixonada por João, mas eles perderam contato por um tempo, porém ela reencontra ele em uma festa de casamento e para a sua surpresa ele está noivo e que que ela seja sua madrinha. Camille acaba se sentindo meio pra baixo já que nada da sua vida anda dando certo e acaba fingindo que está noiva e pra isso aponta pro primeiro homem que aparece na sua frente como noivo e acaba por ser Alex que entra na onda da mentira, depois que a situação passou Camille pensava que nunca mais iria ver esse homem novamente, porém para a sua surpresa em uma vista ao Hospital da Família ela o reencontra e descobre que Alex é médico e o novo sócio de seu pai. Bom para piorar eles precisam continuar fingindo um pouco mais a mentira do noivado por conta do João, depois que a mentira é revelado para o João, uma outra mentira surge para a família.
Noivos por acaso é aquela tipica história clichê que começamos lendo sabendo que tudo vai dar certo no final, uma história gostosa para passar o tempo e distrair, li ela em uma tarde no meu serviço, pois dezembro é uma época parada e eu aproveitei para ler uns e-books quando possível. A história é leve, tipico enredo de filme da sessão da tarde, não vou negar que gosto muito.
Camille é uma jovem desastrada, sem sorte no emprego e sente que sua vida deu uma empacada, nessa situação de ter dificuldade em permanecer em um emprego me identifiquei com ela, já que nos empregos anteriores nunca tinha sorte e ficava pouco meses, mas ela é determinada e impulsiva, uma boa personagem que acabou escolhendo a maneira mais fácil de se sentir em igual com um ex-amor.
Alex é um amor, sempre tentando fazer Camille se sentir bem, apoiando e igualmente doido como ela, gostei dele também, porém ele cometeu um erro que me deixou com raiva dele, durou poucas páginas.
Na história tem até uma personagem meio doida, uma cena tensa com ela me lembrou um pouco vilã de novela mexicana, porém curti a leitura e se vocês procuram algo leve para ler, indico Noivos por Acaso. Como falei antes no meu serviço anda calmo e com isso quando dá leio e-book, então provavelmente terá resenhas de e-books com histórias desse estilo.

Se minha vida fosse resumida em apenas uma palavra, com toda certeza, essa palavra seria azar. 
Nem sempre ser vitorioso é ganhar. As vezes é preciso perder para enxergar o verdadeiro ganhador, que é aquele que nunca desisti. 
Muitas pessoas acreditam que sofrem por amor, mas se analisarmos bem, veremos que não sofremos por amor, mas sim, pela falta dele.
Como o certo as vezes pode parecer tão errado? Mentiras destroem as pessoas, mas mesmo sabendo disso, elas mentem, por que? Medo da verdade? Ou simplesmente o fato de se esconder nelas as fazem sentir mais seguras? 
 Medo, temos medo de nos arriscar, de tentar, de tudo simplesmente dar errado. Mas caso não de certo, estaremos igual estamos agora, não é? Mas como eu saberia se poderia dar certo se não tentei? Até quando vamos permitir que o medo seja maior que nossos sonhos, que o medo seja maior que a nossa vontade de vencer?

Denise Crivelli, 27 anos, sul-mato-grossense, formada em Publicidade e estudante de Administração, viciada em livros, doramas e séries.

Facebook

Sorteio

Parceria

Parceria

Facebook

Busca

Arquivos

Seguidores

Populares

Tecnologia do Blogger.