Música | Playlist da semana #135:

Hey dia da playlist por aqui, espero que gostem, nem tenho muito o que falar estou morrendo de preguiça e estou com duas resenhas para escrever.


Quotes da Semana:

Hey pessoal, olha um poste de quotes aparecendo por aqui, faz tempinho que não posto essa coluna por aqui, aos poucos eu vou postando conforme dá, pois tá corrido aqui, como falei antes estou trabalhando e estudando, mas to feliz porque já estou no meu serviço atual bem mais que 3 meses. Bom espero que gostem das frases.
“A vida de ninguém é repleta de momentos perfeitos. E se fosse, não seriam momentos perfeitos. Seriam apenas normais. Como você poderia saber o que é a felicidade se nunca tivesse experimentado as quedas?” (P.S Eu te Amo - Cecelia Ahern)
“O mundo inteiro é uma tempestade, eu acho, e todos nós nos perdemos em algum momento. Vamos atrás de montanhas no meio das nuvens para que tudo pareça valer a pena, como se isso tivesse algum significado. E, ás vezes, nós as encontramos. E seguimos em frente”. ( A mais pura verdade - Dan Gemeinhart) 
 “Seja uma música, uma pessoa ou uma história, não há como saber de algo quando se conhece apenas um trecho, quando se deu uma rápida olhada ou se ouviu parte de um refrão.” ( Just Listen - Sarah Dessen)
“…as palavras têm um poder maior do que qualquer dom. Elas são capazes de mudar o mundo, mudar uma pessoa… dependendo de como forem interpretadas, podem causar a paz. Ou uma tragédia. Uma vez que a palavra está escrita em um papel, ela é eterna.” (Versos Sombrios - Bianca Carvalho )
 "— Mas acho que o mundo é simples, em sua essência. Vida, morte. Amor, ódio. Desejo, realização. Magia. Talvez só esta última seja mais complicada." (Filho das Sombras ( Sevenwaters #2) - Juliet Marillier)
"Talvez ele detivesse o segredo da boa vida, nunca se deter, nunca olhar para trás, viver cada dia com impulso, vivacidade, curiosidade e disposição adolescente. Se pensarmos que somos jovens, então talvez o sejamos, não importa o que diga o passar dos anos." (John Grogan -  Marley & Eu)
 "Nos últimos anos, venho procurando o que é real (...)  Mas a realidade geralmente é feia. A beleza? É mais difícil de definir. É como um pôr do sol. É lindo, faz você sentir alguma coisa. E isso é real. Mas o sentimento dura tanto quanto o pôr do sol. É muito fugaz. Então é fácil acreditar que não é real" (Infinito + Um - Amy Harmon)


TOP 5 | Livros sem a leitra A no titulo :

Hey pessoal, mas um TOP 5 aparecendo por aqui, o tema dessa vez me basei em umas postagens do facebook que o pessoal fala para comentar um livro sem a letra A no título. Espero que vocês gostem do poste de hoje.





Sinopse: Quando duas pessoas se tornam aliadas improváveis e foras da lei quase sem querer, como podem vencer todos os desafios? Bonnie Rae Shelby é uma estrela da música. Ela é rica, linda e incrivelmente famosa. E quer morrer. Finn Clyde é um zé-ninguém. Ele é sensível, brilhante e absurdamente cínico. E tudo o que ele quer é uma chance na vida. Estranhas circunstâncias juntam o garoto que quer esquecer o passado e a garota que não consegue enfrentar o futuro. Tendo o mundo contra eles, esses dois jovens, tão diferentes um do outro, embarcam numa viagem alucinante que não só vai mudar a vida de ambos, como pode até lhes custar a vida. Infinito + um é uma história sobre fama e fortuna, sobre privilégios e injustiças, sobre encontrar um amigo por trás da máscara de um estranho — e sobre descobrir o amor nos lugares mais inusitados.


Sinopse: Aos 25 anos, recém-formado, Pedro está convencido de que é um sujeito muito especial, que tem a missão de usar o cinema como instrumento para melhorar o mundo. Diagnosticado na adolescência com uma doença degenerativa que o condenaria à cegueira, ele contraria a lógica da medicina quando a perda de sua visão estaciona de forma inexplicável. Enquanto comanda o último cineclube de São Paulo e trabalha em uma videolocadora na periferia, Pedro planeja seu próximo filme - a obra que vai consagrá-lo. E, para animar as coisas, conhece a intrigante Cristal, uma ruivinha decidida, garçonete e estudante de física nuclear, que mexe com seu coração. A perspectiva idealista de Pedro, porém, sofre sérios abalos. Atormentado por um segredo, ele parte com os amigos Fit, Mayla e Cristal numa longa viagem até Pirenópolis, em Goiás, a bordo de um Opala envenenado. Com câmeras nas mãos e espírito de aventura, a equipe técnica improvisada está disposta a usar toda a sua criatividade na filmagem, feita na estrada ao sabor de encontros inesperados e de sentimentos imprevisíveis. E o jovem cineasta descobre que, quando o destino foge do script, nada supera o apoio de grandes amigos.

Resenha | O Poder da Vingança - Carol Antonucci:

Título: O Poder da Vingança
Autora: Carol Antonucci
Páginas: 548
Nota: 4/5
Skoob: Link

Sinopse: Rebecca Morelli é filha da estilista mais famosa da cidade. Ela tem os melhores amigos que poderia imaginar e carrega o esplêndido talento de modelar os vestidos para os desfiles da mãe. Mas como resultado de toda fama, sua vida perfeita é apenas uma fachada. Um acidente fez com que a relação com sua família se tornasse um pesadelo. As noites em casa viraram um caos, repletas de pavor e gritos. Em pouco tempo, Rebecca descobre segredos envolvendo seus pais, sua amiga que não via há anos e, principalmente, Daniel Palacci, um rapaz sarcástico e misterioso. Becky então se vê no meio de uma rede de mentiras, traições, assassinatos e perseguições. Sem saber com quem contar, Becky se encontra num dilema: Confiar ou não em Danny, que aparentemente é o único capaz de salvá-la, mas ao mesmo tempo o principal a levá-la para uma armadilha. Seria o amor capaz de arrancá-la das garras do mal, ou introduzi-la cada vez mais nesse mundo onde não existem escapatórias?

Opinião:
Esse livro foi lido através do Book Tour, ele foi escrito pela Carol do blog Caverna Literária. e agora trago minha opinião sobre esse livro.

Em O Poder da Vingança conhecemos Rebecca Morelli, uma jovem rica que trabalha junto com sua mãe estilista e sempre que possível se divertia com os seus amigos e irmão, porém precisava enfrentar o casamento frágil de seus pais e as discussões graves só que sem poder se intrometer, consequência de algo que aconteceu no passado com a família, fora isso ela sempre procurava diverti-se com quem era importante em sua vida. Porém acontece uma reviravolta, pois ela acaba conhecendo Daniel ou Danny um cara que ela conheceu no ponto de ônibus e que começa aparecer em todos os lugares que ela se encontra, então Rebeca fica dividida entre a atração e  desconfiança ainda mais quando uma amiga do passado retorna e a mesma conhece o Danny, trazendo algumas dúvidas a respeito dele ser um suspeito de um crime.
No inicio Rebecca mesmo possuindo suspeitas ainda se divertia com Daniel, tentou avisar aos outros, mas Daniel conseguiu envolver todos e isso inclui Rebecca que acabou deixando de lado suas suspeitas por conta desse belo rapaz e inclusive afastou-se um pouco de seus amigos.
 "O único que pode realmente te machucar é aquele que mais te conhece, e esse é o seu medo. Medo de largar toda essa bagunça onde ele te colocou por saber que as consequências seriam piores do que as que você tem de suportar obedecer."
"A mocinha inocente sempre cai nas garras do badboy, não é? O enredo de praxe."
Não sei muito bem o que dizer a respeito do livro, mas no momento consigo pensa em uma palavra para descrever o que percebi a respeito do Danny " Manipulação", pois ele entrou na vida dos personagens aos poucos e com o seu chamar conquistou todos, Bonito, Cantor, Simpático aos olhos de todos, menos de Sara, a garota do passado de Rebecca, porém a opinião de Sara não foi o suficiente para afastar Daniel. Rebecca enfrentava alguns problemas em casa por conta do relacionamento de seus Pais e ainda descobriu o segredos que eles possuíam o que deixou o relacionamento deles meio balançado, mas o Daniel foi uma forma de escape, ele trazia felicidade para Rebecca, mas também possuía alguns momentos sombrios o que a deixava assustada, mas logo voltava ao normal.
Como falar de um livro sem dar spoiler, pois qualquer coisa que penso que escrever aqui é spoiler e  atrapalhar a surpresa do leitor, bom como a protagonista eu também me peguei gostando do Daniel e shippei os dois juntos, porém sempre que estava lendo a cena deles ficava com aquele sentimento que teria algo errado e que daria problema, não estava errada já que acontecerem muitas situações, inclusive violentas com alguns personagens da história. Se a protagonista tomou algumas decisões ruins, sim ela tomou, pois não existe ninguém perfeito e que nunca cometeu erros, ela sabia que por conta disso quase perdeu seus amigos, sua família, mas não deixou de ser amada. Ela foi uma personagem que iniciou com uma adolescente um pouco mimada, mas que no final dava para sentir seu amadurecimento
Enquanto realizava a leitura acabei pensando em algumas teorias a respeito da história, mas nenhuma chegou a ser cumprir, o que é bom já que acabou sendo uma surpresa, confesso que gostei da história, porém achei que demorou um pouco para a história atingir seu pico, para que me desse aquela vontade loca de não parar de ler, depois que ela chegou em seu ápice eu só pensava na história querendo saber o que iria acontecer.
O Poder da Vingança, foi uma boa leitura e fazia um tempinho que não lia histórias mais puxada para um suspense, mesmo esse sendo um pouco leve e envolver manipulação e gostei da leitura.

"-Acho que quando gostamos de alguém, o sentimento perdura por muito tempo. Até que caímos na real. E eu cheguei à conclusão de que não valia a pena sofrer por algo que nunca vou poder ter novamente, então parti numa nova jornada."

Denise Crivelli, 27 anos, sul-mato-grossense, formada em Publicidade e estudante de Administração, viciada em livros, doramas e séries.

Facebook

Desapegando

Facebook

Busca

Arquivos

Seguidores

Populares

Tecnologia do Blogger.