Música | Playlist da semana #64:

Hey pessoal, mais um final de semana chegou e eu vou passar ele estudando de novo, mais dessa vez vou tirar um tempo pra lazer, porque se não fico louca. Nem tenho muito o que comentar hoje.

Quotes da Semana :

Hey pessoal, separei alguns goste do livro A escolhida da autora Autora Amanda Ágatha Costa, espero que gostem, como disse ontem na semana que vem se não tiver corrido tento fazer uns postes mais elaborados.


"Eles nunca saberão o quanto vão viver. Eles nunca saberão quais serão os seus últimos momentos entre nós. A imortalidade não é uma promessa de eternidade, é apenas mais um lembrete de que sempre seremos manipulados. Seja por um demônios enjaulado em seu corpo, por seus medos mais repentinos, ou por uma sociedade em que o poder é oferecido àquele que jamis deveria possuí-lo. "
"Esse é o lado duplo da compreensão: é mais fácil pedir pra ser compreendido do que tentar compreender o outro."
"_ A maior bondade é camuflada por uma camada generosa de maldade. Essa é a grande diferença, Ari. Você apenas enta ser má _ ela emite um longo ruido de deboche, entretanto sua expressão permanece séria. _ Só que não é. Por mais que tente ser cruel, será em vão. Aceite."
"Não vivo em uma era fantástica, cercada por alegria em abundancia. Pessoas sofrem. Para cada dois sorrisos brotados,novas cinquenta lágrimas são despejadas. A realidade que nos acerca é a que mais faz does. Através dos meus tropeços ao longo destes dezoito anos, aprendi que os que mais sorriem são aqueles que mais se mutilam com a angústia. "
"- Não se molda o destino, menina. É impossível mudar o curso de dois rios quando ambos são feitos para desaguar em um só lugar. "

 

Parceria | Autora Renata Varela:


Hey pessoa, venho informa que agora sou parceira da autora Renata Varela, eu já li um livro e um conto dela e agora vou ter a chance de ler outros e-books dela.

AS LISTAS DE ELLEN:
Ellen Farley é jornalista de fofoca de uma revista não muito famosa, em Nova York.  Nesse mundo onde tudo vira notícia, Ellen fica sabendo de uma que não lhe agrada muito: rolam boatos pela redação sobre um corte de custo e o pescoço de Ellen está quase sendo cortado. Para melhorar, Max, seu namorado há três anos decide que a química não está mais funcionando e termina tudo.  Com o emprego mais para lá do que para cá, Ellen - que tem mania de fazer listas - cria uma lista com possíveis empregos a quais se candidatar caso vá para o olho da rua. Um desses empregos é na revista Social Feminin, uma das poucas que cresceu no ano anterior. Num momento de insanidade, Ellen manda sua ficha para a revista, que logo a chama para uma entrevista. É aí que ela conhece Brandon Morgan, o novo redator-chefe da revista, o homem que pode mudar sua vida - em um sentido além do profissional. [Skoob



 O AMOR (NEM SEMPRE) MORA AO LADO:
Becca namora Louis há dois anos.
Dan acabou de sair de um relacionamento de sete, traído e magoado.  Ambos estão em momentos conturbados da vida quando se conhecem, e isso faz com que criem um laço de amizade forte e praticamente impossível de ser arrebentado.
Até que Daniel tem que viajar a trabalho e eles se separam.
Será a distância o ponto final, ou o parênteses que eles precisam inserir em suas vidas?

[Skoob




[Repost] Resenha | A Escolhida:

Título: A Escolhida
Autora: Amanda Ághata Costa
Páginas: 360
Gênero: Romance, Fantasia
Skoob: Link

Sinopse: A Escolhida - Em uma cidade repleta de pessoas desconhecidas, Ari poderia ser apenas mais uma garota dispersa na multidão, como tantas outras que foram abandonadas pelos pais desde a infância. Devido à sua aparente doçura e beleza, ninguém seria capaz de supor que, além de um anjo, ela também é um demônio com sede de poder. Os espertos deveriam manter-se distantes, mas há olhares que não deixam de admirá-la. Egran não desperdiçaria a chance de apoderar-se de habilidades tão interessantes: ela é a escolha perfeita. Entretanto, nem todos se sentem realizados. O círculo seria um refúgio ideal para os demais feiticeiros, se o próprio líder não os tratasse como marionetes descartáveis. Movidos pelo medo e controlados pelo mestre, os componentes do grupo obedecem, sem pestanejar, às ordens recebidas. Ao se ver arrastada para lá, Ari se encontra diante de situações improváveis, arriscando-se a expor mais do que gostaria. Para ela, sentir é algo que sempre esteve fora de seus limites. Não poderia vivenciar qualquer forma de emoção, esta era a promessa. Até que Luke surge em seu caminho e abala as estruturas congeladas, derretendo-as e modelando novos conceitos. O amor realmente fará brotar a alegria? Ou irá arrastá-la diretamente para a morte? O passado obscuro de Ari será o suficiente para fazê-la estilhaçar de uma vez por todas, não restando oportunidades para uma nova tentativa de se isolar do mundo.
Opinião:
Ari é uma garota solitária e seu maior prazer é caçar e matar pessoas (pode soar estranho, mas é isso mesmo), ela possui asas, mas vinha perdendo as penas a cada assassinato que comete. Ela é filha de um Anjo com um Demônio e acaba herdando um pouco dos dois o que a torna diferente dos outros seres que habitam a terra, uma garota perigosa que não era nem para ter nascido, já que essa mistura de seres mágicos são proibidas.
Ela não possui amigos e vive sozinha não se permitindo ter sentimentos, em um dia "normal" de caça acaba sendo encurralada por+- dois jovens que dizem ser feiticeiros e consequentemente é levada contra a sua vontade, pois um grande feiticeiro, Egran exige que ela preste serviços a ele e ainda ameça com um feitiço caso descumpra as suas ordens. Então Ari se vê em um lugar com muitos feiticeiros que a odeiam e ainda precisa aprender a seguir as regras de Egran.
"Ela não percebe que o mundo, na realidade, é uma porção de crueldade infinita e que todos estão dispostos a aplaudir mais os fracassos do que as vitórias dos demais. Nós somos os próprios vilões das histórias que criamos".
Pessoal, essa história me conquistou e muito, pois gostei dos personagens e além disso a protagonista é diferente das protagonistas de outras histórias, já que ela não é uma personagem totalmente boa e possui um lado negro e possui  sede por sangue.
A Ari é diferente e sempre foi solitária, além de não expressar seus sentimentos, adora caçar e matar já que praticar esse hobbie acaba aliviando algo dentro dela.
Gostei de ver a evolução dela na história, no começo ninguém gostava dela, mas depois acabou criando um belo laço de amizade com algumas garotas feiticeiras e quando permitiu-se mostrar seu sentimento, perceberam que ela não era tão sanguinária assim. Ari permitiu até se apaixonar mesmo tentando afastar os sentimentos que cresciam em seu coração, foi a personagem que mais cresceu no decorrer da leitura.
Luke é um personagem que já amamos logo de cara, ele é um fofo e desdo começo possui um olhar apaixonado pela garota, mas Ari sempre o afasta só que não por muito tempo, já que aos poucos ele vai ganhando a confiança dela. Além de ser um amor com a garota que está apaixonado também é um irmão dedicado e se preocupa muito com a Vincy já que ela é sua única família. Odeia seu líder, mas não pode deixar o circulo.
Vincy é a irmã rebelde de Luck, sempre fazendo seu irmão ou Ari se preocupar, vive um romance perigoso e pode sair dele machucada novamente. Se torna a melhor amiga de Ari, mas as vezes ocorre alguns desentendimentos entre elas.

"E lembre-se de que todos são inimigos até mostrarem-se o contrário".
Egran é o líder dos feiticeiros, ninguém gosta dele e sentem muito medo, gosta que tudo seja de seu jeito e se alguém desobedecer pode sofrer com as consequências. Por conta dele que Ari vai parar no circulo já que tem a intenção de usa-lá para trabalhos sujos. É o personagem mais depressível do livro, pensa na raiva que fiquei desse homem, ele pode ser o mais ruim até agora, porem creio que o Pai da Ari caso apareça em outros livros também possa se tornar depressível.
A leitura foi muito envolvente e com personagens cativantes. A Ari no primeiro momento parece ser uma garota fria, mas não é, quando lerem vão ver uma carta linda e cheia de sentimentos que ela escreve. Ari não é aquela mocinha chata que muitas vezes encontramos por ai. Ela é o Luke são tão fofos juntos, mas acabam sempre se desentendendo.  Eu até poderia falar mais coisas, porém acabaria dando  spoiler.
"Eles nunca saberão o quanto vão viver. Eles nunca saberão quais serão os seus últimos momentos entre nós. A imortalidade não é uma promessa de eternidade, é apenas mais um lembrete de que sempre seremos manipulados. Seja por um demônios enjaulado em seu corpo, por seus medos mais repentinos, ou por uma sociedade em que o poder é oferecido àquele que jamis deveria possuí-lo."

Resenha | Fuga par o paraíso - Paulo Mateus:

Título: Fuga par o paraíso
Autor: Paulo Mateus
Páginas: 154
Skoob: Link

Sinopse: Uma grande guerra quase levou os humanos a aniquilação total, destruindo a maior parte dos recursos naturais existentes no planeta. Com uma atmosfera densa que bloqueia a luz do sol e um ar tóxico os sobreviventes tentam reerguer a sociedade humana. Pequenos impérios na forma de cidades altamente tecnológicas surgem, as diferenças dessas sociedades e os desafios do mundo interior e exterior se tornam cada vez maiores, obrigando essas sociedades a financiarem campanhas militares para continuarem existindo.
Além de todos esses desafios uma nova droga surge e começa a se espalhar rapidamente entre as pessoas, abalando todas as estruturas de um mundo já decadente.

Opinião:
Hey pessoal, estou aqui com a resenha de mais um Nacional e o e-book da vez é  Fuga para o Paraíso do autor Paulo Mateus, já faz um tempinho que ele encaminhou a história, mas estava sem tempo para ler antes, então peço desculpa pela demora.
Fuga do paraíso é um livro que foca na sociedade e não em personagens específicos, apesar de conhecermos alguns durante a leitura. Não é uma história de romance e na minha opinião isso foi algo positivo, pois tornaria-se  irrelevante nesse contexto.
A população vive uma época pós apocalíptica, onde tudo que conhecemos foi destruído, até o ar se tornou impuro e por esse motivo foram criadas cidades dentro de redomas para que as pessoas conseguissem sobreviver. Algumas delas são bem avançadas, portadoras de altas tecnologias, inclusive conseguiram deixar o ar puro para que a população conseguissem respirar, mas caso saiam da redoma é preciso utilizar uma mascara se não seria destruído pelo ar poluído.

'Há mais criminosos do que nunca, nossos impostos sobem todos os anos, e há uma guerra lá fora da qual nada sabemos. Nós estamos afundando em um lamaçal de sujeira que só aumenta."
Nessa resenha não irei comentar sobre cada personagem, mas na história em geral. A vida dentro das redomas era tranquila, pessoas iam de seus trabalhos para suas casas, a policia fazia sua ronda, mas essa tranquilidade acabou quando surgiu uma droga chamada de Éden e que estava destruindo a sociedade que conheciam, no começo não era considerado algo tão preocupante, mas a grande parte da população começou a usar e a droga possui efeito devastador.
Vimos uma sociedade infeliz com a vida que tem  sucumbindo ao Éden. Paralelo ao que se acontece na cidade, temos a equipe de policias que estão em uma missão para descobrir todo o mistério que envolve o surgimento dessa droga,  antes era considerada uma missão simples, acabou tornando-se complicada. 
As pessoas começaram a se destruir depois do surgimento do Éden, bom a leitura também teve seus pontos negativos, já que como não conhecemos os personagens mais afundo fica difícil se conectar com eles.
"Vocês, assim como todo mundo que chega aqui, deve, estar curiosos sobre essa cidade." - a voz do holograma era calma e clara, como a voz de uma professora."


Denise Crivelli, 27 anos, sul-mato-grossense, formada em Publicidade e estudante de Administração, viciada em livros, doramas e séries.

Facebook

Desapegando

Facebook

Busca

Arquivos

Seguidores

Populares

Tecnologia do Blogger.