[Resenha] Veneno:

Título: Veneno
Autora: Sarah Pinborough
Páginas: 224
Skoob: Link

Sinopse: Veneno - Sexy, sarcástico e de prender a respiração!
Para os fãs de Once Upon a Time e Grimm, Veneno é a prova de que contos de fadas são para adultos! Não existe “Felizes para sempre”! Você já pensou que uma rainha má tem seus motivos para agir como tal? E que princesas podem ser extremamente mimadas? E que príncipes não são encantados e reinos distantes também têm problemas reais? Então este livro é para você! Em Veneno, a autora Sarah Pinborough reconta a história de Branca de Neve de maneira sarcástica, madura e sem rodeios. Todos os personagens que nos cativaram por anos estão lá, mas seriam eles tão tolos quanto aparentam? Acompanhe a história de Branca de Neve e seu embate com a Rainha, sua madrasta. Você vai entender por que nem todos são só bons ou maus e que talvez o que seria “um final feliz” pode se tornar o pior dos pesadelos! Veneno é o primeiro livro da trilogia Encantadas, e já é um best-seller inglês. Sarah Pinborough coloca os contos de fadas de ponta-cabeça e narra histórias surpreendentes que a Disney jamais ousaria contar. Com um realismo cínico e cenas fortes, o leitor será levado a questionar, finalmente, quem são os mocinhos e quem são os vilões dos livros de fantasia!
Opinião:
 Fazia um tempinho que estava com vontade de ler essa trilogia, já li resenhas negativas e positivas sobre ele e queria tirar as minhas próprias conclusões.
Nessa histórias uma nova versão de a Branca de Neve. Branca é uma princesa mais selvagem, gosta de viver ao ar livro e vestir roupas confortáveis para montar a cavalo, mas sua madrasta Lilith não gosta desta natureza da princesa, ela até tenta obrigar a Branca de Neve a vestir roupa desconfortável, ou seja tenta domar a garota, mas ai como não consegue e tenta se vingar dela.

''Ninguém ousaria desafiar as ordens da rainha, por mais que odiassem ver sua amada princesa tão infeliz. E ela estava desesperadamente infeliz, mas esse, no fim das contas, dizia a rainha a si mesma, era o propósito. Por que Branca de Neve concordaria com um casamento se fosse feliz em casa? A rainha queria que ela sumisse dali. Precisava que ela sumisse. E se havia uma coisa que tinha aprendido em toda a sua vida era que não se conquistava nada sem um pouco de sofrimento."

[TOP5] Livros com protagonistas Masculinos:

Hoje em Dia é mais fácil achar livros protagonizado por Mulheres, então fiz uma lista que tem livros mais conhecidos e outros não protagonizados por homens. O Top 5 não esta por preferencia. 

5-Cidade de Papel-John Green:
Sinopse: Em Cidades de papel, Quentin Jacobsen nutre uma paixão platônica pela vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman desde a infância. Naquela época eles brincavam juntos e andavam de bicicleta pelo bairro, mas hoje ela é uma garota linda e popular na escola e ele é só mais um dos nerds de sua turma.Certa noite, Margo invade a vida de Quentin pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita. Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Q vai para a escola, esperançoso de que tudo mude depois daquela madrugada e ela decida se aproximar dele. No entanto, ela não aparece naquele dia, nem no outro, nem no seguinte. Quando descobre que o paradeiro dela é agora um mistério, Quentin logo encontra pistas deixadas por ela e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Q se aproxima de Margo, mais se distancia da imagem da garota que ele pensava que conhecia.
 Nesse livro acompanhamos Quentin em sua aventura para desvendar algumas pistas e encontrar Margo, sua vizinha na qual ele é apaixonada, mais eram ignorado por ela e só a observava de longe, além de ter uma obsessão por ela. 

4- O Garoto no Convés - John Boyne:
Sinopse: Em abril de 1789, semanas após concluir no Taiti uma curiosa missão com fins botânicos - coletar mudas de fruta-pão para alimentar os escravos nas colônias inglesas -, o navio de guerra britânico HMS Bounty foi palco de uma revolta de parte da tripulação contra o capitão William Bligh, que acabou deixado à própria sorte em um bote em alto-mar junto com os marinheiros ainda fiéis a seu comando. Sem provisões e instrumentos de navegação adequados, o grupo enfrentou 48 dias de duras provações até alcançar a costa do Timor. O episódio inspirou numerosos livros e filmes.
Neste livro, a história da expedição é narrada do ponto de vista de John Jacob Turnstile, um garoto de Porstmouth, sul da Inglaterra, que sofre abusos de toda sorte, inclusive sexuais, no orfanato e pratica pequenos furtos nas ruas da cidade. Detido pela polícia após roubar um relógio, é salvo pela própria vítima do roubo quando esta lhe faz uma proposta: em vez de ficar encarcerado, embarcaria no HMS Bounty para passar pelo menos dezoito meses como criado particular do respeitado capitão Bligh. Turnstile aceita a barganha, planejando fugir na primeira oportunidade. Mas a rígida disciplina da vida no mar e uma relação cada vez mais leal com o capitão transformarão sua vida para sempre. É pela voz desse adolescente insolente e sagaz, mas ao mesmo tempo frágil e ingênuo, que o leitor acompanhará uma viagem repleta de intrigas, tempestades intransponíveis, cenários exóticos e lições de lealdade, paixão e sobrevivência. O autor acrescenta novos dados e interpretações a uma história até hoje misteriosa. Sugere, por exemplo, que a receptividade sexual das nativas do Taiti pode estar na origem da insatisfação que resultou no motim. Seduzidos - ou, no caso de Turnstile, iniciados - por elas, os marujos teriam considerado intolerável a idéia de retornar para casa, o que os colocou em linha de colisão com o capitão. 
Um livro que fala sobre um garoto, que era obrigado a Roubar e ainda sofria abusos Sexuais, até que ele conhece um capitão de Navio que muda a sua vida e mostra um novo mundo pela visão de um Barco, faz um bom tempo que li esse livro e estou precisando reler para dar uma lembrada na historia.

[Resenha] O Sangue do Olimpo:

Título: O Sangue do Olimpo
Autor: Rick Riordan
Páginas: 432
Skoob: Link

Sinopse: Depois de enfrentarem as mais penosas missões, Percy Jackson e os outros tripulantes do Argo II ainda precisam encarar a pior de todas: chegar a Atenas a tempo de impedir que Gaia, a Mãe Terra, desperte. A Atenas Partenos irá para o oeste, enquanto o Argo II seguirá para leste. Os deuses, ainda sofrendo com a dupla personalidade, não podem ajudar. Como os semideuses conseguirão vencer sozinhos um exército de gigantes e impedir uma guerra entre os acampamentos? A viagem para Atenas é perigosa, mas não há outra opção. Eles já sacrificaram muito para chegar aonde estão. E, se Gaia despertar, será o fim.


Opinião: 
O Sangue do Olimpo conclui a serie Os Heróis do Olimpo, nesse livro os sete jovens da profecia seguem o destino para salvar o mundo de Gaia, mas antes de enfrentar o grande inimigo, eles tem que resolver pequenos desafio e pegar os ingredientes para um remédio que traz a pessoa da morte, pois segundo a profecia alguém morre.
Enquanto Percy, Annabeth, Leo, Jason, Piper, Frank e Hazel estão no Argo II viajando para chegar ao destino final e evitar o despertar de Gaia, cada uma tendo sua chance de combater um inimigo e em algumas partes são obrigadas a pedir concelhos para os Deus divididos em Gregos e Romanos, por outro lados temos Nico e Reyna tentando chegar ao acampamento meio sangue levando a Atena Partenos para evirar uma guerra com os Romanos, curar os Deuses e ajudar na derrota de Gaia, no meio da viagem desses dois e do treinador aparecem obstáculos, pois o que querem e a guerra e assim fica mais fácil para acabar com todos os meios sangues.

"Não - declarou ele - e olhou para Annabeth e Piper - Minhas lealdades não mudaram. Minha família apenas aumentou. Sou filho da Grécia e de Roma"

Denise Crivelli, 27 anos, sul-mato-grossense, formada em Publicidade e estudante de Administração, viciada em livros, doramas e séries.

Sorteio

Facebook

Facebook

Busca

Arquivos

Seguidores

Populares

Tecnologia do Blogger.