Resenha | Um Sedutor Sem Coração (Os Ravenels #1) - Lisa Kleypas

Título: Um Sedutor Sem Coração
Autora:  Lisa Kleypas
Páginas: 320
Nota: 5/5
Skoob: Link

Sinopse:  Devon Ravenel, o libertino mais maliciosamente charmoso de Londres, acabou de herdar um condado. Só que a nova posição de poder traz muitas responsabilidades indesejadas – e algumas surpresas. A propriedade está afundada em dívidas e as três inocentes irmãs mais novas do antigo conde ainda estão ocupando a casa. Junto com elas vive Kathleen, a bela e jovem viúva, dona de uma inteligência e uma determinação que só se comparam às do próprio Devon. Assim que o conhece, Kathleen percebe que não deve confiar em um cafajeste como ele. Mas a ardente atração que logo nasce entre os dois é impossível de negar. Ao perceber que está sucumbindo à sedução habilmente orquestrada por Devon, ela se vê diante de um dilema: será que deve entregar o coração ao homem mais perigoso que já conheceu? Um sedutor sem coração inaugura a coleção Os Ravenels com uma narrativa elegante, romântica e voluptuosa que fará você prender o fôlego até o final.

Opinião:
Um Sedutor sem coração é o primeiro livro da série Os Ravenels, nessa história conhecemos Devon Ravenel, ele herdou um condado depois da morte de seu primo Theo, mas veio com um título falido,  uma casa meio acaba e ainda a presença das irmãs de Theo e de sua viúva, a ideia inicial é vender todas as propriedades para quitar as dividas do título e expulsar as mulheres de casa, porém ele se vê interessado na viúva Kathleen e começa a se apegar as garotas Ravenel, nisso acaba desistindo da venda, mas precisa se virar para conseguir investimentos e reerguer a situação da casa de campo.
Devon no inicio parece aquele libertino que só quer farra, mas ele estava empenhado em recuperar a situação da família e proteger as garotas.
Gente eu adorei o Devon e a relação dele com a Kathleen, super shippei os dois juntos, Devon não é aquele personagem que mal trata a mulher, ele se preocupa com a Kathleen e até tenta reclamar da roupa que ela usa para treinar cavalos, o que ela ignora facilmente. O Devon vai aprendendo a lidar com negócios, a se tornar responsável e  ele precisa persistir para que Kathleen entregue seu coração a ele.
Kathleen é uma mulher que ficou viúva cedo, para sorte dela ficou pouco tempo casada com um homem que não valia muito apena , uma mulher que apesar de jovem tomou para si a responsabilidade de cuidar das irmãs de seu falecido marido. Ela adora cavalos e se culpa pela morte do marido, quer manter o luto no tempo correto, mas ter Devon por perto acaba atrapalhando seus planos, ainda mais pelo jogo de sedução e a intensa paixão que surgem entre eles. Como falei eu adorei tanto o casal de protagonista, que nem sei o que falar direito deles, só sentir.
Eu achei legal que esse livro além de focar nos protagonistas, dá a chance aos secundários de ganharem destaque na história e deixar aquela curiosidade para os próximos livros, temos forte presença de Helen e Rhys Winterborn na qual a história deles começa nesse primeiro livro, para ser melhor desenvolvimento no segundo, então é altamente recomendável ler na ordem.
Tem também o West irmão mais novo de Devon e que mudou bastante do inicio ao final do livro, adoro ele e estou louca para o livro solo que é o 5 (quinto), mas ainda não foi lançado por aqui, porém como já foi lançado lá fora provavelmente deve sair por aqui ano que vêm, além disso temos Pandora  e sua irmã gêmea Cassandra que apesar de terem 19 anos no primeiro livro agem como crianças, já que elas foram meio que ignorada pela família e acabaram não dando importância para se comportar como uma dama, elas são muito criativas, já li o livro da Pandora como protagonista e adorei, a mais apagadinha foi a Cassandra o livro dela vai ser o 6 e ainda não foi lançado pela autora.
Eu já li um romance contemporâneo da autora, mas Um sedutor sem coração foi o primeiro de época que li da autora e amei, é difícil escolher até um personagem preferido, adoro todos, enfim eu amei esse livro.
"Já teria compreendido que lady Trenear e eu temos a visão correta um do outro. Sou um canalha e ela é uma megera sem coração, perfeitamente capaz de cuidar se si mesma."
"...Conheço muitos fatos científicos sobre o coração humano, e um deles é que é muito mais fácil fazer um coração parar de bater em definitivo do que evitar amar a pessoa errada."
"Mesmo se você não me quiser. Mesmo se escolher não ficar comigo. Estou lhe dando todo o tempo que me resta. Eu lhe juro que deste momento em diante jamais tocarei em outra mulher ou darei meu coração a alguém que não você. Se eu tiver que esperar sessenta anos, nem um minuto será desperdiçado, porque terei passado todo esse período amando você."

 Os Ravenels
1 -  Um Sedutor Sem Coração



Denise Crivelli, 27 anos, sul-mato-grossense, formada em Publicidade e estudante de Administração, viciada em livros, doramas e séries.

Facebook

Desapegando

Facebook

Busca

Arquivos

Seguidores

Populares

Tecnologia do Blogger.